A EFICIÊNCIA DA MOBILIZAÇÃO NEURAL NA REABILITAÇÃO DA LOMBALGIA: UMA REVISÃO DE LITERATURA

Marília Olivindo Lima, Thiago Brasileiro de Vasconcelos, Giselle Notini Arcanjo, Renato José Soares

Resumo


Introdução: A mobilização neural é uma opção de tratamento para pacientes com distúrbios neurais que utiliza técnicas específicas para restaurar o movimento e a elasticidade do sistema nervoso, o que promove não só o retorno das suas funções normais, mas também das estruturas músculo-esqueléticas que recebem sua inervação. Objetivo: O presente trabalho tem como objetivo analisar a eficiência da mobilização neural na reabilitação da lombalgia. Metodologia: Foi realizado uma pesquisa bibliográfica, utilizando livros, revistas e periódicos publicados em bases de dados SciELO, Bireme, Lilacs e Google acadêmico, utilizando as palavras chaves Lombalgia, Sistema Nervoso, Mobilização Neural e Terapia Manual, no período de outubro a dezembro de 2010. Após a seleção de todo o material literário publicado entre os anos 2000 a 2010 foram realizadas leituras explorativas e analíticas. Resultados: A mobilização neural tem sido utilizada como método de avaliação e tratamento das mais diversas patologias que acometem o sistema nervoso e as estruturas por ele inervadas, pacientes com lombalgia tratados com mobilização neural obtiveram uma redução da sintomatologia dolorosa, melhora da qualidade de vida e retorno as atividades de vida diária. Conclusão: A Mobilização Neural pode auxiliar na diminuição da dor e melhorar a função, possibilitando o tratamento de pacientes com lombalgias relacionadas ao envolvimento neural, através de suas técnicas de avaliação e tratamento. Porém com a gama diversa de terapias disponíveis ao fisioterapeuta, é importante que este pratique uma terapia efetiva, baseada em evidências, de acordo com a avaliação clínica do paciente.


Texto completo: PDF




Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .