AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DE VIDA DOS FUNCIONÁRIOS DO CARTÓRIO DO 1º OFÍCIO DA CIDADE DE DIAMANTINO, MATO GROSSO, POR INTERMÉDIO DO QUESTIONÁRIO SF-36 EVALUATION OF QUALITY OF LIFE OF THE EMPLOYEES FROM THE 1ST REGISTRY OFFICE OF THE CITY OF DIAMANTINO-MT TH

Josiane Aparecida da Silva Zampieril, Paulo César Porto Deliberato, Ivana Gláucia Paes de Barros

Resumo


O objetivo desta pesquisa foi analisar a qualidade de vida dos funcionários do Cartório de 1º Ofício da cidade
de Diamantino, em Mato Grosso. Foi utilizada a versão brasileira do Short Form-36 (SF-36) em dez funcionários
do Cartório de 1º Ofício, que colaboraram voluntariamente para a coleta da análise dos dados do questionário.
O estudo obteve a análise dos oito domínios do escore do SF-36, onde pôde ser observado que o
primeiro domínio, relativo à capacidade funcional, foi aquele que apresentou o maior escore, enquanto os
demais domínios (D2, D3, D4, D5, D6, D7 e D8), respectivamente relacionados à saúde mental, também estão
acima da metade do valor máximo esperado no escore do SF-36. O questionário SF-36 foi um instrumento
adequado, de aplicação relativamente rápida e de fácil uso para a avaliação da qualidade de vida dos funcionários
do Cartório de 1º Ofício, pois, na amostra estudada, os oito domínios apresentaram resultado médio
entre 51,9 (menor escore = domínio 4) e 71,8 (maior escore = domínio 1).

Palavras-chave


qualidade de vida, questionário SF-36, trabalho.

Texto completo:

PDF () PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13037/rbcs.vol7n21.299