COMPARAÇÃO DO GRAU DE AGRADABILIDADE NA APLICAÇÃO DA ESTIMULAÇÃO ELÉTRICA NERVOSA TRANSCUTÂNEA E DA CORRENTE INTERFERENCIAL COMPARISON OF THE DEGREE OF AGRADABILITY IN THE APPLICATION OF THE ELECTRICAL STIMULATION NERVE TRANSCUTANEOUS AND OF CURRENT INTER

Augusto César Ferreira Gauglitz, Michelle Cristina de Souza Molina Gomes, Geisebel de Freitas, Ingrid de Amorim Camargo Ribeiro, Magda Danelucci da Silva

Resumo


Atualmente, nas clínicas de fi sioterapia do nosso país a eletroterapia vem sendo empregada para
o tratamento dos principais tipos de algias causadas por diversas doenças. Diversos estudos já
comprovaram os benefícios da aplicação desse recurso para analgesia, porém entre tantos tipos de
correntes e aparelhos, qual será o estímulo mais agradável aos pacientes? O presente estudo foi realizado
na clínica de fi sioterapia da Universidade Municipal de São Caetano do Sul, com 22 pacientes,
que foram submetidos à aplicação de estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS) e corrente
interferencial (IFC), com o objetivo de verifi car qual dessas correntes provoca uma sensação mais
agradável ao paciente, durante sua aplicação.

Palavras-chave


fi sioterapia, corrente interferencial, estimulação elétrica nervosa transcutânea.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13037/rbcs.vol3n6.454