ANÁLISE DOS FATORES ASSOCIADOS À SOBRECARGA DE CUIDADORES DE PACIENTES PORTADORES DA DOENÇA DE ALZHEIMER

Cristiana dos Santos, Christiane Gabriel Bastos, Francisco Ariclene Oliveira, Denizielle de Jesus Moreira Moura

Resumo


Introdução: A sobrecarga do cuidador pode culminar no desenvolvimento de doenças agudas e crônicas e, consequentemente, no uso de diversas medicações, tornando-o tão doente quanto o idoso com Alzheimer. Portanto, a avaliação do nível de sobrecarga do cuidador aponta uma direção mais efetiva para o profissional quanto às orientações de cuidado. Objetivo: Analisar os fatores associados aos níveis de sobrecarga de cuidadores de portadores da doença de Alzheimer, fundamentados na Escala de Zarit. Materiais e método: Trata-se de um estudo transversal, realizado com 70 cuidadores. Os dados foram coletados no ambulatório de demência de um hospital terciário, por meio de formulário. Utilizou-se o Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) para a análise estatística. Para avaliar a associação entre a variável dependente (nível de sobrecarga) e as independentes (características socioeconômicas e presença de doenças e/ou sintomas após ser cuidador), os testes utilizados foram razão de verossimilhança e qui-quadrado. Para comparação entre as médias utilizou-se t-Student. Resultados: Verificou-se associação entre os níveis de sobrecarga e as variáveis grau de parentesco (p=0,049), escolaridade (p=0,029), renda familiar e renda per capita (p=0,007), se adquiriu doença (p=0,004) e sintomas físicos após ser cuidador (p=0,030). As médias de participação financeira (p=0,018), renda familiar (p<0,001) e renda per capita (p<001) foram maiores naqueles que tiveram menor intensidade de sobrecarga. Conclusões: A identificação dos fatores que influenciam na sobrecarga do cuidador subsidia o planejamento de intervenções para a prevenção de doenças e a promoção da saúde, contribuindo para melhoria da sua qualidade de vida.

Referências


Santana RF, Almeida KS, Savoldi NAM. Indicativos de aplicabilidade das orientações de enfermagem no cotidiano de cuidadores de portadores de Alzheimer. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2009;43(2):459-64.

Barbosa RL, Morais JM, Resck ZMR, Dázio EMR. O cuidador domiciliar de paciente idoso com mal de Alzheimer. Rev Rene. 2012;5(13):1191-6.

Camacho ACLF, Silva MDF, Espírito-Santo FH. Estratégias de suporte para prevenção de doença do cuidador familiar. Rev Enferm UFPE. 2012;6(9):2258-65.

Lenardt MH, Hautsch Willig M, Seima MD, Pereira LF. The health status and life satisfaction of caregivers of elderly with Alzheimer’s. Colomb Med (Cali). 2011;42(2):17-25.

Gratão ACM, Vendrúscolo TRP, Talmelli LFS, Figueiredo LC, Santos JLF, Rodrigues RAP. Sobrecarga e desconforto emocional em cuidadores de idosos. Texto & contexto Enferm. 2012;21(2):304-12.

Scazufca M. Brazilian version of the Burden Interview scale for the assessment of burden of care in carers of people with mental illnesses. Rev Bras Psiquiatr. 2002;24(1):12-7.

Associação Brasileira de Empresas e Pesquisa. Critério Brasil 2015 e atualização da distribuição de classes para 2016 [Internet]. 2015 [citado em 2015 set 17]. Disponível em: https://goo.gl/Ncbreu

Associação Médica Mundial. Declaração de Helsinque. Declaração para orientação de médicos quanto a pesquisa biomédica envolvendo seres humanos [Internet]. 1964 [citado em 2017 nov 1]. Disponível em: https://goo.gl/e79VQc

Brasil. Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012. Aprova normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Diário Oficial da União. Brasília, DF; 2013.

Amendola F, Oliveira MAC, Alvarenga MRM. Qualidade de vida dos cuidadores de pacientes dependentes no programa de saúde da família. Texto & Contexto Enferm. 2008;17(2):266-72.

Seima MD, Lenardt MH. A sobrecarga do cuidador familiar de idoso com Alzheimer. Texto & Contextos (Porto Alegre). 2011;10(2):388-98.

Barbosa BCAL, Koopmans FF, Silveira ACD. O desenvolvimento de competências do cuidador do paciente com Alzheimer a partir das ideias de Paulo Freire. Rev Augustus. 2010;14(29):35-44.

Pinto MF, Barbosa DA, Ferreti CEL, Souza LF, Fram DS, Belasco AGS. Qualidade de vida de cuidadores de idosos com a doença de Alzheimer. Acta Paul Enferm. 2009;22(5):652-7.

Inouye K, Pedrazzani ES, Pavarini SCI, Toyoda CY. Quality of life of elderly with alzheimer’s disease: a comparative study between the patient’s and the caregiver’s report. Rev Latino-Am Enferm [Internet]. 2010;18(1):26-32.

Gaioli CCLO, Furegato ARF, Santos JLF. Perfil de cuidadores de idosos com doença de Alzheimer associado à resiliência. Texto & Contexto Enferm [Internet]. 2012;21(1):150-7.

Baptista BO, Beuter M, Girardon-Perlini NMO, Brondani CM, Budo MLD, Santos NO. A sobrecarga do familiar cuidador no âmbito domiciliar: uma revisão integrativa da literatura. Rev Gaúcha Enferm [Internet]. 2012;33(1):147-56.

Borghi AC, Sassá AH, Matos PCB, Decesaro MN, Marcon SS. Qualidade de vida de idosos com doença de Alzheimer e de seus cuidadores. Rev Gaúcha Enferm [Internet]. 2011;32(4):751-8.


Texto completo: PDF




Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .