PREVALÊNCIA DE RISCO CARDIOVASCULAR A PARTIR DE PARÂMETROS ANTROPOMÉTRICOS EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Elise Gabriela Rosa Santos, Palloma Yafuso Pereira, Denise Ruri Utsunomia Sekiya, Rita Maria Monteiro Goulart

Resumo


Introdução: As doenças cardiovasculares (DCV) são as principais causas de morte no Brasil e no mundo. Entre os fatores de risco cardiovasculares identificados em crianças brasileiras destaca-se o excesso de peso. Em estudos epidemiológicos e na prática clínica, valorizam-se medidas antropométricas por serem acessíveis, rápidas, não invasivas, de baixo custo e com maior facilidade de aplicação. Objetivo: Verificar a prevalência de risco cardiovascular em crianças e adolescentes atendidos em ambulatório multidisciplinar, utilizando-se parâmetros
antropométricos e verificar a existência de correlação entre estes parâmetros. Métodos: Estudo retrospectivo realizado com 470 crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos de idade, de ambos os gêneros, atendidos por equipe multidisciplinar, em projeto filantrópico de um hospital no município de São Paulo. As informações foram coletadas dos prontuários do serviço, sendo utilizadas as seguintes variáveis: peso, estatura, circunferência do pescoço (CP), circunferência da cintura (CC). Foram calculadas a relação cintura/estatura (RCE) e índice de massa corporal (IMC). Foi analisada a correlação entre as medidas antropométricas. Resultados: Em relação ao IMC, 23,6% apresentaram sobrepeso, 12,3% obesidade e 3,8% obesidade grave. O risco cardiovascular foi identificado em 39,7% das crianças e adolescentes. Em CC, 12,1% e RCE, 24,5% do total apresentaram risco para DCV. Houve forte correlação entre CC e RCE, e entre IMC e RCE. Conclusão: A prevalência de risco para DCV variou de 12,1% a 39,7%, dependendo do parâmetro antropométrico utilizado. As medidas antropométricas utilizadas em conjunto no atendimento ambulatorial de crianças e adolescentes são eficazes para avaliar o risco de DCV, uma vez que há correlação entre as mesmas. Ressalta-se que aplicadas isoladamente podem sub ou super estimar o risco cardiovascular.



 


Palavras-chave


Doenças cardiovasculares. Crianças. Adolescentes. Antropometria. Obesidade.

Texto completo:

PDF

Referências


Bourbon M, Miranda N, Vicente AM, Rato Q. Sabe como prevenir? Doenças Cardiovasculares. Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, Departamento de Promoção da Saúde e Prevenção de Doenças não Transmissíveis [cartilha na internet]. 2016 fev [acesso em 12 set 2016]. Disponível em:

http://repositorio.insa.pt/bitstream/10400.18/3447/3/Doen%C3%A7as%20Cardiovasculares.pdf

Pimenta IL, Sanches RC, Pereira JPR, Houri BF, Machado ELG, Machado FSG. Medidas das circunferências abdominal e cervical para mensurar riscos cardiovasculares. Rev Med Minas Gerais [periódicos na internet]. 2014 out [acesso em 08 ago 2016]; 24 supl. 9. Disponível em: http://bases.bireme.br/cgi-bin/wxislind.exe/iah/online/?IsisScript=iah/iah.xis&src=google&base=LILACS〈=p&nextAction=lnk&exprSearch=749318&indexSearch=ID

Monego ET, Jardim PCBV. Determinantes de risco para doenças cardiovasculares em escolares. Arquiv Bras Cardiol [periódicos na internet]. 2006 jul [acesso em 17 ago 2016]; 87 (1). Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/abc/v87n1/a06v87n1.pdf

Molina MDCB, Fari CP, Montero MP, Cade NV, Mill JG. Fatores de risco cardiovascular em crianças de 7 a 10 anos de área urbana, Vitória, Espírito Santo, Brasil. Cad Saúde Publ [periódicos na internet]. 2010 mai [acesso em 17 ago 2016]; 26 (5). Disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2010000500013

Sant’Anna MS, Priore SE, Franceschini SC. Métodos de avaliação da composição corporal em crianças. Rev Paul Pediatr [periódicos na internet]. 2009 [acesso em 12 set 2016]; 27 (3). Disponível em:

http://www.spsp.org.br/spsp_2008/revista/RPPv27_n3_315-21.pdf

Silva CC, Zambon MP, Vasques ACJ, Rodrigues AMB, Camilo DF, Antonio MARGM, et al. Circunferência do pescoço como um novo indicador antropométrico para predição de resistência à insulina e componentes da síndrome metabólica em adolescentes: Brazilian Metabolic Syndrome Study. Rev Paul Pediatr [periódicos na internet]. 2014 [acesso em 11 ago 2016]; 32 (2). Disponível em:

http://www.scielo.br/pdf/rpp/v32n2/pt_0103-0582-rpp-32-02-00221.pdf

Magalhães EIS, Sant’Ana LFR, Priore SE, Franceschini SCC. Perímetro da cintura, relação cintura/estatura e perímetro do pescoço como parâmetros na avaliação da obesidade central em crianças. Rev Paul Pediatr [periódicos na internet]. 2014 [acesso em 12 ago 2016]; 32 (3). Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rpp/v32n3/0103-0582-rpp-32-03-0273.pdf

Haun DR, Pitanga FJG, Lessa I. Razão cintura/estatura comparado a outros indicadores antropométricos de obesidade como preditor de risco coronariano elevado. Rev Assoc Med Bras [periódicos na internet]. 2009 jul [acesso em 11 ago 2016]; 55 (6). Disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42302009000600015

Filho VCB, Campos W, Fagundes RR, Lopes AS, Souza EA. Presença isolada e combinada de indicadores antropométricos elevados em crianças: prevalência e fatores sociodemográficos associados. Cienc Saúde Colet [periódicos na internet]. 2016 [acesso em 11 ago 2016]; 21 (1). Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v21n1/1413-8123-csc-21-01-0213.pdf

Freedman DS, Serdula MK, Srinivasan SR, Berenson GS. Relation of circumferences and skinfold thicknesses to lipid and insulin concentrations in children and adolescents: The Bogalusa Heart Study. Am J Clin Nutr [periódicos na internet]. 1999 feb [acesso em 06 out 2016]; 69 (2). Disponível em:

https://academic.oup.com/ajcn/article/69/2/308/4694161

Guimarães ICB, Almeida AM, Santos AS, Barbosa DBV, Guimarães AC. Pressão arterial: efeito do índice de massa corporal e da circunferência abdominal em adolescentes. Arquiv Bras Cardiol [periódicos na internet]. 2008 jun [acesso em 16 out 2016]; 90 (6). Disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0066-782X2008000600007

Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Protocolos do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional - SISVAN na Assistência à Saúde [protocolos na internet]. Brasília – DF, 2008 [acesso em 06 out 2016]; (1). Disponível em: http://189.28.128.100/nutricao/docs/geral/protocolo_sisvan.pdf

Pereira PF, Serrano HMS, Carvalho GQ, Lamounier JA, Peluzio MCG, Franceschini SCC, et al. Circunferência da cintura e relação cintura/estatura: úteis para identificar risco metabólico em adolescentes do sexo feminino? Rev Paul Pediatr [periódicos na internet]. 2011 jan [acesso em 11 ago 2016]; 29 (3). Disponível em:

http://www.scielo.br/pdf/rpp/v29n3/a11v29n3

Sant’Anna MSL, Tinôco ALA, Rosado LEFPL, Sant’Ana LFR, Brito ISS, Araújo LF, et al. Effectiveness of the conicity index and waist to height ratio to predict the percentage of body fat in children. Nutrire: Rev Soc Bras Alim Nutr = J Brazilian Soc Food Nutr [periódicos na internet]. 2010 ago [acesso em 14 out 2016]; 35 (2). Disponível em: http://files.bvs.br/upload/S/1519-8928/2010/v35n2/a0005.pdf

Silva GAP, Balaban G, Motta MEFA. Prevalência de sobrepeso e obesidade em crianças e adolescentes de diferentes condições socioeconômicas. Rev Bras Saúde Matern Infant [periódicos na internet]. 2005 jan-mar [acesso em 19 jun 2018]; 5 (1). Disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-38292005000100007

Pinto ICS, Arruda IKG, Diniz AS, Cavalcanti AMTS. Prevalência de excesso de peso e obesidade abdominal, segundo parâmetros antropométricos, e associação com maturação sexual em adolescentes escolares. Cad Saúde Publ [periódicos na internet]. 2010 set [acesso em 11 out 2016]; 26 (9). Disponível em:

http://www.scielo.br/pdf/csp/v26n9/06.pdf

Rezende FAC, Rosado LEFPL, Ribeiro RCL, Vidigal FC, Vasques ACJ, Bonard IS, et al. Índice de massa corporal e circunferência abdominal: associação com fatores de risco cardiovascular. Arquiv Bras Card [periódicos na internet]. 2006 dez [acesso em 11 out. 2016]; 87 (6). Disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0066-782X2006001900008

Associação Brasileira para Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica - ABESO. Diretrizes Brasileiras de Obesidade 2009/2010 [diretriz na internet]. São Paulo, 2009 [acesso em 10 out 2016]; (3). Disponível em:

http://www.abeso.org.br/pdf/diretrizes_brasileiras_obesidade_2009_2010_1.pdf

McCarthy HD, Ashwell M. A study of central fatness using waist-to-height ratios in UK children and adolescents over two decades supports the simple message - 'keep your waist circumference to less than half your height'. Int J Obes Relat Metab Disord 2006; 30:988-92.

Oliveira ACM, Ferreira RC, Santos AA. Cardiovascular risk assessment according to the Framingham score and abdominal obesity in individuals seen by a clinical school of nutrition. Revi Assoc Med Bras [periódicos na internet]. 2016 mar/apr [acesso em 17 out 2016]; 62 (2). Disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42302016000200138〈=pt

Gomes MN, Maciel MG, Torres RS, Barbosa SNAA. Association between anthropometric, biochemical and hemodynamic variables in cardiac patients. Int J Cardiovasc Sci [periódicos na internet]. 2015 oct [acesso em 09 out 2016]; 28 (5). Disponível em: http://www.onlineijcs.org/english/sumario/28/pdf/en_v28n5a08.pdf

Castro LCV, Franceschini SCC, Priore SE, Peluzio MCG. Nutrição e doenças cardiovasculares: os marcadores de risco em adultos. Rev Nutr [periódicos na internet]. 2004 jul/set [acesso em 17 out 2016]; 17 (3). Disponível em:

http://www.scielo.br/readcube/epdf.php?doi=10.1590/S1415-52732004000300010&pid=S1415-52732004000300010&pdf_path=rn/v17n3/21886.pdf〈=pt

Kahn HS, Imperatore G, Cheng YJ. A population-based comparison of BMI percentiles and waist-to-height ratio for identifying cardiovascular risk in youth. J Pediatr 2005; 146:482-8.

Garnett SP, Baur LA, Cowell CT. Waist-to-height ratio: a simple option for determining excess central adiposity in young people. Int J Obes Relat Metab Disord 2008; 32:1028-30.

Brambilla P, Bedogni G, Heo M, Pietrobelli A. Waist circumferenceto-height ratio predicts adiposity better than body mass index in children and adolescentes. Int J Obes (Lond) 2013; 37:943-6.

Gonçalves VSS, Faria ER, Franceschini SCC, Priore SE. Perímetro do pescoço como preditor de excesso de gordura corporal e fatores de risco cardiovasculares em adolescentes. Rev Nutr [periódicos na internet]. 2014 mar-abr [acesso em 20 jun 2018]; 27 (2). Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1415-52732014000200003

Castro-Piñero J, Delgado-Alfonso A, Gracia-Marco L, The Up&Down Study Group, et al. Neck circumference and clustered cardiovascular risk factors in children and adolescents: cross-sectional study. BMJ Open [periódicos na internet]. 2017 [acesso em 20 jun 2018]; 7 (9). Disponível em: https://bmjopen.bmj.com/content/7/9/e016048.info

Santos D. Eficácia da circunferência do pescoço como medida para identificar risco de excesso de massa corporal em crianças de 13 – 24 meses de idade: Estudo de coorte ao nascer [dissertação na internet]. Joinville. Dissertação [Mestrado em Saúde e Meio Ambiente] – Universidade da Região de Joinville; 2014 [acesso em 11 ago 2016]. Disponível em:

http://univille.edu.br/account/ppgsma/VirtualDisk.html?action=readFile&file=DANIELA_DOS_SANTOS.pdf&current=/Dissertacoes_completas

Pereira DCR. Análise da circunferência do pescoço como marcador para síndrome metabólica em estudantes de uma Universidade Pública de Fortaleza-CE [dissertação na internet]. Fortaleza. Dissertação [Mestrado em Enfermagem na Promoção da Saúde] - Universidade Federal do Ceará; 2012 [acesso em 05 out 2016]. Disponível em:

http://repositorio.ufc.br/bitstream/riufc/4545/1/2012_dis_dcrpereira.pdf

Moser DC, Giuliano ICB, Titski ACK, Gaya AR, Coelho e Silva MJ, Leite N. Indicadores antropométricos e pressão arterial em escolares. J Pediatr [periódicos na internet]. 2013 mai-jun [acesso em 20 jun 2018]; 89 (3). Disponível em:

http://dx.doi.org/10.1016/j.jped.2012.11.006

Ricardo GD, Gabriel CG, Corso AC. Anthropometric profile and abdominal adiposity of school children aged between 6 and 10 years in southern Brazil. Rev Bras Cineantropom Desemp Hum 2012; 14:636-46.




DOI: https://doi.org/10.13037/ras.vol17n60.5640

Indexadores: