CONSUMO DE ALCOOL ENTRE UNIVERSITÁRIOS DO INTERIOR DO NORDESTE BRASILEIRO

Sheila Maria da Conceição Costa, Priscila Mikaelly Fernandes Monteiro, Janieiry Lima de Araújo, Ana Raquel de Figueiredo Rego, ELLANY GURGEL COSME DO NASCIMENTO

Resumo


Objetivo: Descrever e analisar o consumo de álcool entre universitários. Método: Estudo descritivo e quantitativo. A coleta feita por aplicação de questionário com 369 estudantes da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. Os dados foram tabulados e analisados com auxílio do Statistical Package for Social Sciences. Resultados: Os participantes apresentam idade média de 22,11 anos, predominância do sexo feminino (63,68%), estado civil solteiro (84,82%), renda familiar de 1 a 3 salários mínimos (70,46%). No padrão de consumo de álcool observou-se que 70,18% ingeriram bebida alcoólica, o principal motivo foi por pura diversão (32,04%), a média de início foi aos 16 anos. 40,1% afirmaram terem ficado de ‘porre’. A interferência na saúde mais citada foi de problemas para alimentar-se (34,74%). Dos que ingeriram álcool, 2,7% sofreram acidentes sobre efeito do álcool e 1,54% referiram a ocorrência de situações de violência. Observou-se que houve uma redução de consumo no último ano (52,3%) e na última semana (23,3%). Conclusão: A problemática do consumo de álcool está presente desde antes da entrada na universidade e continua, posteriormente, tornando os universitários vulneráveis a esse agravo. Há, portanto, necessidade de intervenções de promoção a saúde sobre o uso de álcool e suas consequências.


Palavras-chave


Consumo de bebidas alcoólicas. Estudantes. Saúde Pública. Bebidas Alcóolicas. Vulnerabilidade em Saúde.

Texto completo:

PDF

Referências


World Health Organization. Global status report on alcohol and health. WHO Genebra: Library Cataloguing-in-Publication Data; 2011. ISBN 978 92 4 156415 1.

Silva CJ, Laranjeira R. Diagnóstico e tratamento do uso nocivo e dependência do álcool. Diagnóstico e tratamento em clínica médica – Psiquiatria. 2006 Fev 14;47-64.

Brasil; Presidência da República; Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas. I Levantamento Nacional sobre o Uso de Àlcool, Tabaco, e outras Drogas entre Universitários de 27 Capitais Brasileiras/Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas; GREA/IPQ-HC/FMUSP; organizadores Arthur Guerra de Andrade, Paulina do Carmo Arruda Vieira Duarte, Lúcio Garcia de Oliveira. – Brasília: SENAD, 2010. 284 p.

Ramis TR, Mielke GI, Habeyche EC, Oliz MM, Azevedo MR, Hallal PC. Tabagismo e consumo de álcool em estudantes universitários: prevalência e fatores associados. Rev Bras Epidemiol. 2012 Jun;15(2):376-85.

Wagner GA, Andrade AG. Uso de álcool, tabaco e outras drogas entre estudantes universitários brasileiros. Rev Psiquiatr Clín. 2008 Fev 20;35 Suppl 1:48-54.

Andrade AG, Queiroz S, Villaboim RCM, Casar CLG, Alves MCGP, Bassit AZ, et al. Uso de álcool e drogas entre alunos de graduação da Universidade de São Paulo. Rev ABPAPAL. 1997;19(2):53-9.

Carlini EA, Galduróz JCF, Noto AR, Fonseca AM; Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas (CEBRID). V levantamento nacional sobre o consumo de drogas psicotrópicas entre estudantes do ensino fundamental e médio da rede pública de ensino nas 27 capitais brasileiras - 2004. CEBRID/UNIFESP. 2004;11-381.

Stempliuk VA. Uso de drogas entre alunos da Universidade de São Paulo: 1996 versus 2001 [tese]. São Paulo: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo; 2004. 149 p.

Laranjeira R, Pinsky I, Zaleski M, Caetano R; Secretaria Nacional Antidrogas (SENAD). I Levantamento nacional sobre os padrões de consumo de álcool na população brasileira. CEBRID/UNIFESP. 2007;8-76.

Silva LVER, Malbergier A, Stempliuk VA, Andrade AG. Fatores associados ao consumo de álcool e drogas entre estudantes universitários. Rev Saude Publica. 2006 Abr;40(2):280-8.

Pedrosa AAS, Camacho LAB, Passos SRL, Oliveira RVC. Consumo de álcool entre estudantes universitários. Cad Saude Publica. 2011 Aug;27(8):1611-21.

Carvalho DA, Gomes RIB, Sousa VEC, Sardinha AHL, Filho MRC. Hábitos alcoólicos entre universitários de uma instituição pública. Cienc Cuid Saude. 2011 Jul/Set;10(3):571-77.

Vieira DL, Ribeiro M, Romano M, Laranjeira RR. Álcool e adolescentes: estudo para implementar políticas municipais. Rev Saude Publica. 2007 Mar 29;41(3):396-403.

Filho NH, Teixeira MAP. Motivos para beber e situações de consumo de bebidas alcoólicas: um estudo exploratório. Mudanças – Psicologia da Saúde. 2012 Jan/Dez;20(1-2):1-6.

Oliveira M, Soibelmann M, Rigoni M. Estudo de crenças e expectativas acerca do álcool em estudantes universitários. Int J Clin Saúde Psychol. 2007;7(2):421-33.

Andrade AG, Oliveira LG. Principais consequências em longo prazo relacionadas ao consumo moderado de álcool. In: Andrade AG, Anthony JC, Silveira CM. Álcool e suas consequências: uma abordagem multiconceitual. Barueri: Minha Editora; 2009. p. 37-66.

Pillon SC, Corradi-Webster CM. Teste de identificação de problemas relacionados ao uso de álcool entre estudantes universitários. R Enferm UERJ. 2006 Jul/Set;14(3):325-32.

Gomes BMR, Alves JGB, Nascimento LC. Consumo de álcool entre estudantes de escolas públicas da Região Metropolitana do Recife, Pernambuco, Brasil. Cad Saude Publica. 2010 Apr;26(4):706-12.

Mascarenhas MDM, Malta DC, Silva MMA, Carvalho CG, Monteiro RA, Neto OLM. Consumo de álcool entre vítimas de acidentes e violências atendidas em serviços de emergência no Brasil, 2006 e 2007. Cien Saude Colet. 2009 Nov/Dec;14(5):1789-96.

Pechansky F, Szobot CM, Scivoletto S. Uso de álcool entre adolescentes: conceitos, características epidemiológicas e fatores etiopatogênicos. Rev Bras Psiquiatr. 2004 May;26 Suppl 1:14-17.




DOI: http://dx.doi.org/10.13037/ras.vol17n59.5837