ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA DIABETES MELLITUS EM POPULÇÃO DE UM BAIRRO PERIFÉRICO DE SÃO PAULO EPIDEMIOLGICAL ASPECTS OF DIABETES MELLITUS ON PERIPHERIC POPULATION FROM SÃO PAULO CITY

Juliana de Paulo Fernandes, Boni Yavo

Resumo


A prevalência e a incidência da diabetes mellitus vem aumentando de forma assustadora e quase epidêmica. No mundo, o aumento da expectativa de vida da população, o sedentarismo, a obesidade e problemas relacionados com hipertensão exercem importante papel no aparecimento da diabetes na população. No Brasil, a prevalência de diabetes mellitus é bem significante (7,6%). Onde cabe ressaltar uqe 46,5% da população brasileira de portadores de diabetes desconhecem sua condição, e dos 53,5% que têm conhecimento prévio da doença, 23% não fazem qualquer tipo de tratamento. Asiim, o objetivo deste estudo é identificar os fatores de risco para a diabetes mellitus e diagnosticar precocemente portadores desta doença em indivíduos da comunidade do Jardim Angela - SP. Os resultados permitiram concluir que 21% deles eram obesos, 42% apresentaram antecedência familiar, 70% eram sedentários e 37% tinham problemas de hipertensão. Dos 112 indivíduos analisados neste século, apenas três apresentaram conhecimento prévio da doença. Com o resultado da glicemia capilar, foram diagnosticados mais nove novos casos. Estes resultados indicam necessidade de um programa educativo junto a comunidades carentes, visando levar o conhecimento da diabtes mellitus para a população, para que esta possa buscar estilos de vida saudáveis, a fim de prevenir os fatores de risco para a diabetes mellitus.

Palavras-chave


diabetes mellitus, epidemiologia, região metropolitana.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13037/rbcs.vol3n5.640