Discursos estratégicos e ações para a comunicação científica de acesso livre: estudo comparado entre Brasil e Espanha

Enrique Alonso González, Isaltina Maria de Azevedo Mello Gomes, Viviane Toraci Alonso de Andrade

Resumo


Partindo da análise dos discursos oficiais dos governos brasileiro e espanhol através da leitura de suas estratégias nacionais de ciência, tecnologia e inovação, buscamos identificar as intenções e também as práticas de comunicação científica em acesso livre promovidas por cada país. Como objetos, analisamos os atuais sistemas em rede de comunicação científica em acesso livre promovidos pelos respectivos governos, demonstrando que não há um alinhamento entre o discurso e prática, o que pode colocar a comunicação científica como indicadora de modelos políticos

Palavras-chave


Política de ciência e tecnologia; Comunicação Científica; Acesso Livre

Texto completo:

PDF () PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13037/ci.vol15n28.2391

Indexadores de que a C&I faz parte:

 

 

Latindex

Latindex

 

ISSN 2178-0145