Imaginários sociais, publicidade e telefones celulares no Brasil

Sandra Rubia

Resumo


A partir da leitura de imagens publicitárias, este artigo busca refletir sobre os imaginários sociais que circulam no Brasil a respeito dos telefones celulares, objetos onipresentes no cotidiano que se tornaram símbolos de uma lógica de modernidade fluida e conectada. As conclusões apontam para a persistência, no discurso publicitário analisado, dos grandes temas das complexas sociedades moderno-contemporâneas: o apagamento de fronteiras entre o espaço e o tempo; a aceleração deste a um ritmo vertiginoso; o desejo de poder e de controle dos agentes sociais sobre ambos.

Palavras-chave


Telefones Celulares; Publicidade; Imaginário

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/ci.vol10n19.902

Indexadores de que a C&I faz parte:

 

 

Latindex

Latindex

 

ISSN 2178-0145