Preço de Transferência Interna como Instrumento Gerencial: Um Estudo da Utilização por Indústrias Localizadas no Estado Rio Grande do Sul

Marcos Antonio Souza, Mauricio Farias Cardoso, Rosane Machado

Resumo


O objetivo deste artigo é analisar o uso do preço de transferência interna como parte dos instrumentos gerenciais das empresas. O crescimento das organizações provoca, dentre outras questões, a necessidade de adaptação das práticas de gestão. Para empresas que optaram por uma gestão descentralizada, o preço de transferência interna, segundo a literatura da área, revela-se de grande utilidade. A pesquisa realizada identificase como um estudo exploratório, descritivo e qualitativo. Para desenvolvimento do estudo, utilizou-se a estratégia metodológica do estudo de caso múltiplo, o qual contou com a participação de três empresas gaúchas de médio e grande porte, que viabilizaram a coleta de dados mediante entrevistas realizadas com os respectivos gestores. Os principais resultados sinalizam que o uso do preço de transferência está consistente com as recomendações da literatura enquanto instrumento de planejamento, controle e avaliação de desempenho das áreas e dos gestores correspondentes, prevalecendo o preço baseado no custo real e no custo padrão mais margem. Os entrevistados ratificaram a utilidade do preço de transferência em possibilitar a identificação das principais fontes geradoras de valor na empresa.


Palavras-chave: gestão empresarial, descentralização, resultado divisional, preço de transferência interna.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol27n79.1043

 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

 

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora