Análise da viabilidade de se operacionalizar um modelo de capital intelectual desenvolvido para o setor público em uma empresa privada

Deisy Cristina Corrêa Igarashi, Wagner Igarashi, Monange Modia de Freitas, Fernando Noqueli Canesso

Resumo


Este estudo tem por objetivo verificar se há alguma restrição ao se operacionalizar o modelo de Capital Intelectual direcionado ao setor público e proposto por Queiroz (2003), em uma empresa do setor privado. O estudo tem caráter transversal e descritivo, é segmentado em dois momentos. No primeiro se realiza uma pesquisa teórica sobre o tema capital intelectual e o modelo proposto por Queiroz (2003). Em um segundo momento se operacionaliza o modelo em uma empresa do segmento privado. Como resultado observa-se que o modelo direcionado ao setor público pode ser aplicado ao setor privado. Para isso, foi necessário realizar ajustes nos indicadores utilizados e nos pesos atribuídos a cada um, a fim de alinhar o modelo à estratégia da empresa objeto de estudo. Considera-se que o modelo gerou melhorias à organização por evidenciar o desempenho da empresa nos elementos avaliados, bem como possibilitar ao decisor traçar ações de melhoria.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol27n80.1145

 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora