Marketing e a Estratégia Usada na Produção Arquitetônica: Uma Crítica à Produção Imobiliária de Edifícios na Cidade de Santos a Partir de 2005

José Alberto Carvalho dos Santos Claro, Mariana Mazzariello Damante

Resumo


Este trabalho tem como objetivo apresentar uma análise crítica da produção imobiliária de edifícios na cidade de Santos, a partir de 2005. Observou-se que o marketing imobiliário atua desfavoravelmente como agente de despersonalização das cidades, contribuindo de maneira negativa para a formação cultural do indivíduo e sua relação com o meio em que vive, por retratar uma distorção de valores influenciada pelas táticas adotadas. O presente estudo, portanto, visa a reunir conhecimentos gerais de arquitetura e marketing, estudar a relação das disciplinas e de sua aplicabilidade ao mercado imobiliário, assim como analisar a qualidade do “produto imobiliário”. O método inicialmente utilizado foi o exploratório, baseado em revisão bibliográfica, seguido de um estudo de caso único da cidade de Santos e finalizado por uma pesquisa descritiva e documental sobre os empreendimentos imobiliários na cidade. Foi percebido que o mercado imobiliário oferece o que é conscientemente almejado pelo grupo social em questão, evocando imagens sobre valores associados a padrões de comportamento e signos identificáveis com determinada classe social, sugerindo uma atmosfera de conforto, segurança, estabilidade, tradição e riqueza, e assim garantindo a diferenciação social, ainda que os atributos não estejam materializados na forma da edificação.

Palavras-chave: marketing imobiliário, produto imobiliário, produção arquitetônica.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol25n75.185

 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora