Análise do Clima Organizacional na Mesorregião Central do Paraná: Percepção dos futuros Administradores

Silvio Roberto Stefano, Jean Adriel Koszalka, Marcia Aparecida Zampier

Resumo


Este estudo teve como objetivo identificar a satisfação e clima organizacional de diversas empresas, na percepção dos futuros Administradores de uma Instituição de Ensino Superior Pública. As variáveis estudadas englobaram: excelência, cultura e clima organizacional, além das práticas de gestão de pessoas, destacando a influência destas variáveis como diferencial competitivo para as empresas. Na tentativa de aprimorar e mensurar a análise, foi utilizado como método survey. Optou-se pela escolha da abordagem quantitativa exploratória. Houve aplicação dos instrumentos de pesquisa aos 112 acadêmicos de Administração (período noturno) de uma Universidade Estadual da mesorregião central do Paraná, divididos nos 4 anos de curso. Através das análises desenvolvidas, chegou-se a conclusão que os fatores que tornam as pessoas mais satisfeitas no ambiente de trabalho são: prestígio nas empresas, estabilidade e salário. Em contrapartida, como fatores que acarretam a insatisfação dentro das organizações, pode-se elencar: falta de reconhecimento e de valorização e o salário.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol30n88.2276

 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora