A INOVAÇÃO REPRESENTADA PELA ACEITAÇÃO, ADOÇÃO E USO DE SOFTWARES-LIVRES EM EMPRESAS DE MICRO E PEQUENO PORTE NA REGIÃO CENTRO-OESTE DO BRASIL

José Maria Tanganelli Junior, Juliana Maria Magalhães Christino, Newton Amaral Paim, Josmária Lima Ribeiro de Oliveira, Ricardo Viana Carvalho de Paiva

Resumo


O presente artigo descreve os resultados de uma pesquisa empírica realizada junto a profissionais de Tecnologia da Informação, que teve como objetivo geral compreender o processo de aceitação, adoção e uso de softwares-livres em micro e pequenas empresas da região Centro-Oeste do Brasil. Dentre os achados do trabalho identificou-se que o nível de concordância dos respondentes com a aceitação do software-livre nas empresas foi maior no aspecto intenção de uso do que, propriamente, no comportamento de uso. Em seguida, foi possível afirmar que a expectativa de esforço exerce influência positiva neste grupo com relação à intenção de uso, assim como também constatou-se que há uma influência positiva e significativa da chamada motivação hedônica sobre a intenção de uso de softwares-livres, porém, por outro lado foi detectado um quadro de indecisão por parte dos respondentes com relação à intenção de substituição dos softwares proprietários por livres.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol34n102.4189

 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora