SABERES E PRÁTICAS DO ENFERMEIRO NA CONSULTA COM O IDOSO NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA

Josias Botelho da Costa, Letícia Gemyna Serrão Furtado, Cláudia Cristina Pinto Girard

Resumo


Objetivo: Conhecer os saberes e as práticas do enfermeiro frente ao cuidado à saúde da pessoa idosa na Estratégia Saúde da Família.

Metodologia: Pesquisa de campo, com desenho qualitativo e de caráter descritivo, tendo como participantes 18 enfermeiros. Os dados foram coletados através de gravação de entrevista com uso de roteiro, sendo analizados e interpretados com a técnica de análise de conteúdo.

Resultados: As categorias “conhecimentos do que é promover saúde do idoso” e “a consulta realizada pelo enfermeiro” mostraram que o cuidado ao idoso está sendo um desafio, estando o enfermeiro com concepção de cuidado ainda ligado às abordagens curativas e sua prática apresentando deficiência em pressupostos metodológicos.

Conclusão: A pesquisa sugere o fomento na formação baseado em modelos capacitadores de assistência e gestão, pois os avanços na qualificação do enfermeiro e na qualidade da atenção prestada aos idosos são necessários para o alcance das políticas de saúde.

PALAVRAS-CHAVE: Atenção Primária à Saúde; Atenção à Saúde; Enfermagem; Idoso.


Palavras-chave


Atenção Primária à Saúde; Atenção à Saúde; Enfermagem; Idoso.

Texto completo:

PDF

Referências


Paula M, Peres AM, Bernadinho E, Eduardo EA, Sade PMC, Larocca LM. Características do processo de trabalho do enfermeiro da estratégia de saúde da família. Rev Min Enferm 2014; 18(2): 454-462.

Silva KM, Vicente FR, Santos SM. Consulta de enfermagem ao idoso na atenção primária à saúde: revisão integrativa da literatura. Rev Bras Geriatr Gerontol, 2014;17(3):681-687.

Pereira RTA, Ferreira V. A consulta de enfermagem na estratégia saúde da família. Rev Uniara, 2014; 17(1): 99-111.

Correia AA, Freire FC, Lucena ALR. Assistência de enfermagem ao idoso em unidades de saúde da família. Rev. Ciênc. Saúde Nova Esperança, 2015; 13(2): 33-41.

Busch GT. O trabalho da enfermagem na estratégia saúde da família [Trabalho de Conclusão de Curso] Lajeado (RS): Centro Universitário Univates; 2015.

Bardin L. Análise de Conteúdo. 1ª ed. São Paulo: Edições 70, 2011.

Barbiane R, Nora CRD, Schaefer R. Práticas do enfermeiro no contexto da atenção básica: scoping review. Rev. Latino-Am. Enfermagem, 2016; 24(e2721): 1-12.

Brasil. Diretrizes para o cuidado das pessoas idosas no sus: proposta de modelo de atenção integral. 1 ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2014.

Dias FA, Gama ZAS, Tavares DMS. Atenção primária à saúde do idoso: modelo conceitual de enfermagem. Cogitare Enferm, 2017; 22(3): 1-11.

Valcarenghi RV; Lourenço LFL; Siewert JS, Alvarez AM. Produção científica da Enfermagem sobre promoção de saúde, condição crônica e envelhecimento. Rev Bras Enferm, 2015; 68(4): 705-12.

Pagliuca LMF, Lima BS, Silva JM, Cavalcante LM, Martins MC, Araújo TL. Acesso de idosos às unidades de Atenção Primária à Saúde. Rev Min Enferm, 2017; 21(e-1021): 1-5.

Brasil. Portaria nº 2.528 de 19 de outubro de 2006. Aprova a Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa. Diário Oficial da União 2006; 19 out.

Oliveira AMS, Menesez TMO. A enfermeira no cuidado ao idoso na estratégia saúde da família: sentidos do vivido. Rev enferm UERJ, 2014; 22(4): 513-518.

Miranda GMD, Mendes ACG, Silva ALA. O envelhecimento populacional brasileiro: desafios e consequências sociais atuais e futuras. Rev. bras. geriatr. Gerontol, 2016; 19(3): 507-519.

Campos ACV, Ferreira EF, Vargas AMD, Gonçasves LHT. Perfil do envelhecimento

saudável de idosos brasileiros octogenários. Rev. Latino-Am. Enfermagem,

; 24(e2724): 1-11.

Silva KM, Santos SMA. A práxis do enfermeiro da estratégia de saúde da família e o cuidado ao idoso. Texto Contexto Enferm, 2015; 24(1):105-111.

Dias KCCO, Lopes MEL, Zaccara AAL, Duarte MCS, Moraes GSN, Vasconcelos MF. O cuidado em enfermagem direcionado para a pessoa idosa: revisão integrativa. Rev enferm UFPE, 2014; 8(5): 1337-46.

Conselho Federal de Enfermagem (COFEN). Resolução COFEN nº 358/2009, de 15 de outubro de 2009. Dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implementação do Processo de Enfermagem em ambientes, públicos ou privados, em que ocorre o cuidado profissional de Enfermagem, e dá outras providências. Diario Oficial da União 2009; 15 out.




DOI: https://doi.org/10.13037/ras.vol17n62.6182

Indexadores: