Publicidade e mercantilização do corpo na contemporaneidade

Autores

  • Lionês Araújo dos Santos UFMT

DOI:

https://doi.org/10.13037/ci.vol13n24.1359

Palavras-chave:

Corpo. Mídia. Capitalismo.

Resumo

Este artigo ocupa-se de analisar alguns aspectos sobre a relação da publicidade e do mercado com o corpo na contemporaneidade. Nota-se que a mídia e o capitalismo aparecem como as principais instâncias na promoção do consumo e, conseqüentemente, a mercantilização do corpo. Percebe-se que a contemporaneidade está fortemente marcada pela massificação da publicidade e pela expansão de mercados e aumento de consumo. Atualmente, nada parece escapar aos domínios da publicidade e do mercado que se expande cada vez mais com a globalização, ocupa todos os espaços e mercantilizam tudo, inclusive corpos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lionês Araújo dos Santos, UFMT

Lionês Araújo dos Santos é Mestre em Comunicação e Cultura Contemporânea pelo ECCO/UFMT, Graduado em Filosofia/UFMT e Professor Efetivo da SEDUC/MT.

Downloads

Publicado

04-07-2012