Novas tecnologias na ótica do discurso promocional televisual

Autores

  • Maria Lilia Dias de Castro Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

DOI:

https://doi.org/10.13037/ci.vol17n33.3521

Palavras-chave:

Televisão privada. Economicismo e tecnologismo. Produção discursiva. Expansão e condensação. Promocionalidade.

Resumo

Nos dias de hoje, a televisão brasileira, além do seu caráter privado e, assim, da necessidade de obediência às restrições do mercado, vem convivendo com o alucinante crescimento tecnológico, o que significa repensar completamente seus fazeres e até dividir sua audiência com telefones, tablets, computadores. Nesse sentido, o objetivo do presente trabalho é investigar as relações entre essa mídia e os novos aparatos tecnológicos disponibilizados, analisando seus efeitos na especificidade da produção discursiva televisual, sobretudo aquela de caráter promocional. Para tanto, discute as propriedades da televisão no país, a influência dos fatores econômicos e tecnológicos na produção discursiva e busca examinar esses traços em um programa da emissora (a telenovela Sete vidas).

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Lilia Dias de Castro, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Pós-doutora, docente do PPGCOM da UFSM e coordenadora do grupo de pesquisa Comunicação Televisual (ComTV)

Downloads

Publicado

19-02-2016