ANÁLISE DE PROSA E GRUPO DE DISCUSSÃO: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.13037/rea-e.vol6n12.8404

Palavras-chave:

Mestrado profissional, Metodologia de pesquisa, Análise de prosa, Grupo de discussão

Resumo

O artigo traz algumas alternativas para o encaminhamento dos projetos de pesquisa no Metrado Profissional (MP) em educação. Toma como pano de fundo um texto publicado pela professora Marli André, no início da década de 1980, por meio do qual ela chamou a atenção para o crescimento do uso da abordagem qualitativa de pesquisa e propôs a Análise de Prosa como alternativa para a análise desses dados. Nosso objetivo foi recuperar essa discussão e demonstrar que a abordagem qualitativa de pesquisa, assim como a pesquisa aplicada se constituem em meios adequados para a realização dos projetos de pesquisa nos MP. Por meio de revisão bibliográfica e documental, apresentamos os desafios da coleta e análise de dados qualitativos. Como alternativa, propomos o emprego do Grupo de Discussão que pode ser utilizado remotamente em razão da pandemia de covid-19 para coletar dados e a Análise de Prosa para análise desses dados nos programas profissionais em educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nonato Assis de Miranda, Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS

Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Professor e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS).

Ana Sílvia Moço Aparício, Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS

Doutora em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Vice-coordenadora e docente do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Municipal de São Caetano do Sul.

André dos Anjos Cangueiro Silva, Universidade Paulista - UNIP

Mestre em Educação pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS); Professor do Curso de Pedagogia da Universidade Paulista (UNIP)

Referências

ALVES, Zélia Maria Mendes Biasoli; SILVA, Maria Helena G. F. Dias da. Análise qualitativa de dados de entrevista: uma proposta. Paideia, FFCLRP, USP: Ribeirão Preto, nº 2, fev./jul. 1992, p. 61-69.

ANDRÉ, Marli Elisa Dalmazo Afonso de. Textos, contextos e significados: algumas questões na análise de dados qualitativos. Cadernos de Pesquisa, nº 45, maio, 1983, p. 66-71.

ANDRÉ, Marli Elisa Dalmazo Afonso de. Mestrado profissional e mestrado acadêmico: aproximações e diferenças. Revista Diálogo Educacional, v. 17 nº 53, p. 823–841, 2017.

CRESWELL, John. W. Investigação qualitativa e projeto de pesquisa: escolhendo entre cinco abordagens. Trad. Sandra M. da Rosa. Revisão técnica Dirceu da Silva. 3. ed. Porto Alegre: Penso, 2014.

FLEURY, Maria Tereza Leme; WERLANG, Sérgio. Pesquisa aplicada: reflexões sobre conceitos e abordagens metodológicas. Disponível em: https://bibliotecadigital.fgv.br/dspace/bitstream/handle/10438/18700/A_pesquisa_aplicada_conceito_e_abordagens_metodol%C3%B3gicas.pdf. Acesso em: 15 dez. 2021.

GIBBS, Graham. Análise de dados qualitativos. Trad. Roberto Cataldo Costa. Porto Alegre: Artmed, 2009.

GODOI, Christiane Kleinübing. Grupo de discussão como prática de pesquisa em estudos organizacionais. RAE- Revista de Administração de Empresas, v. 55 n. 6 nov.- dez. 2015, p. 632-644.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli E. D. A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MEINERZ, Carla Beatriz. Grupos de Discussão: uma opção metodológica na pesquisa em educação. Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 36, n. 2, p. 485-504, maio/ago. 2011.

MOISÉS, Massaud. Literatura: mundo e forma. São Paulo: Cultrix, 1982.

NASCIMENTO, Valdriano Ferreira do; FARIAS, Isabel Maria de Sabino; RAMOS, Evódio Maurício Oliveira. Análise de prosa enredada na pesquisa com os cotidianos: um jeito de ver o currículo e dizer. Revista Teias v. 20 n. 59 out/dez 2019, p. 160-175.

RIBEIRO, Renato J. Ainda sobre o mestrado profissional. RBPG, Brasília, v. 2, n. 6, p. 313-315, 2006.

SILVA, André dos Anjos C. Silva. Formação continuada e indução profissional docente: o curso de professores ingressantes da rede estadual paulista. 2021. 174f. Dissertação (Mestrado – Mestrado Profissionalizante em Educação) – Universidade Municipal de São Caetano do Sul, 2021.

SILVESTRE, Vanessa Souto; MARTINS, Reginaldo Marcos; LOPES, João Pedro Goes. Grupos de discussão: uma possibilidade metodológica. Ensaios Pedagógicos (Sorocaba), v.2, n.1, jan./abr. 2018, p.34-44.

THIOLLENT, Michel. Pesquisa-ação nas organizações. 2.ed. São Paulo: Atlas, 2009.

ZANETTE, Marcos Suel. Pesquisa qualitativa no contexto da Educação no Brasil. Educar em Revista, Curitiba, Brasil, n. 65, p. 149-166, jul./set. 2017.

Downloads

Publicado

2022-05-04

Edição

Seção

DOSSIÊ: MÉTODOS, METODOLOGIAS E PROCEDIMENTOS DE PESQUISA