APRENDIZAGEM EM NEGÓCIOS SOCIAIS: UM LEVANTAMENTO SOB A PERSPECTIVA DO PÚBLICO INTERNO

Autores

  • Talita Rosolen Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
  • Kary Louise Visoto Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
  • Graziella Maria Comini Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol35n103.4538

Resumo

Este artigo objetiva caracterizar o processo de aprendizagem organizacional em negócios sociais. Os negócios sociais são organizações cuja finalidade é promover soluções para problemas que afetam as populações menos favorecidas da sociedade, utilizando-se de mecanismos de mercado. Entender como a aprendizagem ocorre nessas organizações mostra-se relevante, uma vez que o sucesso de uma organização é influenciado pela oportunidade que os indivíduos têm de aprender e aplicar seus aprendizados. Optou-se pela metodologia quantitativa, utilizando uma survey. O questionário procurou entender a percepção dos profissionais de negócios sociais acerca da aprendizagem em quatro dimensões: Individual, Organizacional, Coletivo e Liderança. Os resultados reforçam a importância de se estruturar a área de gestão de pessoas em negócios sociais para que possam olhar para seu público interno com mais atenção, de modo a atuar não só como um agente de impacto positivo para a sociedade, mas também como propulsores no desenvolvimento de pessoas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Talita Rosolen, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo

Mestranda em Administração na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo e bolsista CNPq. Graduada em Administração na USP (2009), foi bolsista e coordenadora do Programa de Educação Tutorial - PET Administração FEA/USP. Tem interesse em pesquisas sobre sustentabilidade corporativa, negócios sociais e formação do administrador.

Kary Louise Visoto, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo

Graduada em Administração na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo. Possui experiência na área de Consultoria Interna de Recursos Humanos e interesse em pesquisas sobre Negócios Sociais, Gestão de Pessoas, Aprendizagem Organizacional e Inclusão de Pessoas com Deficiência.

Graziella Maria Comini, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo

Possui graduação em Economia pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade - USP (1990), mestrado em Administração pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade - USP (1996) e doutorado em Administração pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade - USP (2000). Atualmente é representante - Social Enterprise Knowledge Network, colaborador da Faculdade FIA de Administração e Negócios e professor rdidp da Universidade de São Paulo. Coordenadora do Curso de Graduação em Administração da FEA/USP. Foi coordenadora da área de gestão de pessoas da Universidade de São Paulo de 2010 a 2112. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia, atuando principalmente nos seguintes temas: gestão de pessoas, sistema de carreira e remuneração, empreendedorismo e terceiro setor, gestão por competências e gestão de carreira.

Downloads

Publicado

2019-05-17

Como Citar

Rosolen, T., Visoto, K. L., & Comini, G. M. (2019). APRENDIZAGEM EM NEGÓCIOS SOCIAIS: UM LEVANTAMENTO SOB A PERSPECTIVA DO PÚBLICO INTERNO. Gestão & Regionalidade, 35(103). https://doi.org/10.13037/gr.vol35n103.4538

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)