ALOCAÇÃO ESPACIAL E ASSOCIAÇÕES GEOGRÁFICAS DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NOS SETORES PRODUTIVOS DA MICRORREGIÃO DE IMPERATRIZ-MA, BRASIL

Antonia Francisca da Silva Saraiva, Gyllhemberg Nascimento Santiago de Andrade, Nilton Marques de Oliveira, Rodolfo Alves da Luz

Resumo


Este artigo analisa a alocação espacial e o grau de associações geográficas das micro e pequenas empresas (MPEs) nos setores produtivos da microrregião de Imperatriz-MA, nos anos de 2008, 2012 e 2016. A metodologia é descritiva com abordagem qualitativa e utilização de dados secundários, retirados da base de dados da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS). Foram utilizados o indicador de Quociente Locacional (QL) e o Coeficiente de Associação Geográfica (CAG). Os principais resultados sugerem que Imperatriz e Açailândia possuem um sistema de mercado, comércio e serviços aquecido, sendo polarizadores desta microrregião. O setor da agropecuária é um dos principais segmentos na região e o que mais contribuiu para formação do PIB. Boa parte das MPEs da microregião localiza-se em municípios mais desenvolvidos e com melhor infraestrutura

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol36n107.5569



 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

 

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora