ALOCAÇÃO ESPACIAL E ASSOCIAÇÕES GEOGRÁFICAS DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NOS SETORES PRODUTIVOS DA MICRORREGIÃO DE IMPERATRIZ-MA, BRASIL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol36n107.5569

Resumo

Este artigo analisa a alocação espacial e o grau de associações geográficas das micro e pequenas empresas (MPEs) nos setores produtivos da microrregião de Imperatriz-MA, nos anos de 2008, 2012 e 2016. A metodologia é descritiva com abordagem qualitativa e utilização de dados secundários, retirados da base de dados da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS). Foram utilizados o indicador de Quociente Locacional (QL) e o Coeficiente de Associação Geográfica (CAG). Os principais resultados sugerem que Imperatriz e Açailândia possuem um sistema de mercado, comércio e serviços aquecido, sendo polarizadores desta microrregião. O setor da agropecuária é um dos principais segmentos na região e o que mais contribuiu para formação do PIB. Boa parte das MPEs da microregião localiza-se em municípios mais desenvolvidos e com melhor infraestrutura

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonia Francisca da Silva Saraiva, Universidade Federal do Tocantins - UFT/ Campus de Palmas.

Mestrado em Desenvolvimento Regional pela Universidade Federal do Tocantins, Desenvolvendo pesquisas sobre as micro e pequenas empresas, indústria de transformação, desenvolvimento regional, cadeia produtiva do babaçu.

Gyllhemberg Nascimento Santiago de Andrade, Universidade Federal do Tocantins - UFT/ Campus de Palmas.

Graduado em Geografia pela Universidade Federal de Pernambuco, pelo Instituto Federal de Pernambuco - IFPE (2011). Atuou como recenseador no censo 2010 realizado pelo IBGE. Atuou como estagiário na Secretaria do Meio Ambiente da Cidade do Recife ? PE (2012-2013) no setor de Gestão e Educação Ambiental. É Servidor Público Estadual, desde 2014, vinculado ao instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins - RURALTINS.

 

Nilton Marques de Oliveira, Universidade Federal do Tocantins (UFT) | Campus de Palmas.

Doutor em Desenvolvimento Regional, Professor do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Regional (PGDR/UFT) e do curso de Ciências Econômica da Universidade Federal do Tocantins. Líder do Grupo de pesquisa em Desenvolvimento Regional e Territorial do Centro Norte do Brasil - DRT Centro Norte ( CNPq/UFT). Área de Pesquisa: Desenvolvimento Regional, Territorial e Local; Economia Regional e Urbana; Análise Regional e, Economia do Tocantins.

Rodolfo Alves da Luz, Universidade Federal do Tocantins - UFT/ Campus de Palmas/ Campus Porto Nacional.

Doutorado em Geografia Física,Professor da Universidade Federal do Tocantins, Curso de Geografia, Câmpus Porto Nacional, e no Programa de Pós Graduação em Desenvolvimento Regional, Câmpus Palmas. Tem experiência na área de Geografia, com ênfase em Cartografia, Sistemas de Informação Geográfica, Desenvolvimento Regional e Urbano, Planejamento Ambiental e Geografia Física.

Downloads

Publicado

06-01-2020