Provendo Ambientes de Vida Assistida para Assistência Médica Remota com Smart Gateways na Web das Coisas

Autores

  • Rafael Hoffmann Universidade do Vale do Itajaí, São José – SC
  • Jonas Cesconetto Universidade do Vale do Itajaí, São José – SC
  • Douglas Melo Universidade do Vale do Itajaí, São José – SC
  • Michelle Silva Wangham Universidade do Vale do Itajaí, São José – SC

DOI:

https://doi.org/10.13037/ria.vol13n2.207

Resumo

Os Ambientes de Vida Assistida são concebidos para proverem suporte as pessoas em suas rotinas diárias, por meio do uso de tecnologias da informação e comunicação, o que possibilita que qualquer dispositivo pessoal de saúde esteja conectado à Internet. A disponibilidade de informações clínicas auxilia no tratamento e na medicação dos pacientes. Este trabalho tem por objetivo descrever um sistema distribuído, baseado nos conceitos Web das Coisas, Smart Gateways e Nuvem, para conceber Ambientes de Vida Assistida. A solução proposta possibilita serviços de assistência médica e de monitoramento remoto de dispositivos para que profissionais especializados acompanhem os pacientes diariamente por meio da Internet. Tais informações auxiliarão os médicos na tomada de decisão e, consequentemente, a um diagnóstico mais preciso. Para garantir a proteção destes dados sensíveis, a solução provê ainda a gestão de identidades de usuários utilizando o framework OpendId Connect. Como prova de conceito, um protótipo foi desenvolvido e avaliado considerando um estudo de caso. Os resultados obtidos comprovam a viabilidade e aplicabilidade da solução.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

26-02-2018

Edição

Seção

Artigos