Método cooperativo de identificação de falhas em softwares de gestão educacional baseado em ferramentas de qualidade: Um estudo de caso

Autores

  • Alerson Gotfrid Centro Universitário FACEAR (UNIFACEAR)
  • Pedro Henrique de França Freire Centro Universitário FACEAR (UNIFACEAR)
  • Carlos Alexandre Gouvea da Silva Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.13037/ria.vol14n2.242

Resumo

Em uma instituição de ensino, assim como qualquer outra empresa, existem inúmeros dados e informações a serem armazenados e gerenciados.
Um Sistema de Informação (SI) que utiliza de computadores e softwares pode auxiliar e aprimorar processos de gerenciamento da grande quantidade de dados dessas instituições. Instituições educacionais cada vez mais vêm investindo em tecnologias, softwares e sistemas que auxiliam no gerenciamento que, em alguns casos, nem sempre suprem todas as necessidades que a empresa demanda, o que por muitas vezes acarreta na queda da qualidade do serviço prestado. As instituições educacionais não deixam de ser empresas de produção, por isso, para identificar os problemas apresentados nestes softwares e facilitar a busca por melhoria contínua, é possível utilizar ferramentas de qualidade, que muitas vezes estão ligadas à indústria, tais como o Brainstorming, Diagrama de Ishikawa ou Método GUT, entre outras ferramentas.  O presente trabalho tem como objetivo identificar, classificar e auxiliar na busca de possíveis soluções para os problemas encontrados em sistema de gestão em instituição de ensino privado situada na cidade de Araucária-PR. Esse objetivo é alcançado a partir de um estudo de caso da aplicação de um método cooperativo de identificação das falhas encontradas pelos usuários do sistema da instituição onde foi realizado o trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Alexandre Gouvea da Silva, Universidade Federal do Paraná

Carlos Alexandre Gouvea da Silva natural de Antonina, PR é Engenheiro de Computação pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) em 2012, Mestre em Engenharia Elétrica em 2015 e atualmente doutorando também em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), sendo também representante efetivo dos discentes no programa de pós-graduação (2016-2017). Professor Substituto 20 horas no Departamento de Engenharia Elétrica UFPR. Faz parte do grupo de pesquisas de processamento/transmissão da informação e laboratório de sistemas de comunicação (LABSIC) no Departamento de Engenharia Elétrica da UFPR. É membro da Sociedade Brasileira de Telecomunicações (SBrT), Student Member da Institute of Electrical and Electronics Engineers IEEE região Latin America e Membro da Communication Society IEEE (ComSoc) e Circuit and System Society IEEE (CAS). Atua como revisor de periódicos e congressos como: IEEE Access, IEEE Latin America Transactions, Engineering, Revista de Ensino de Engenharia (ABENGE) e Anais do Congresso Brasileiro de Educação em Engenharia (COBENGE). Possui experiências em engenharia, teste e qualidade de softwares, onde também pode lecionar em cursos superiores de engenharia. Suas principais áreas de interesse são telecomunicações, redes de computadores, transmissão e codificação de vídeo, redes wireless e modelos de perdas, educação e qualidade de ensino em engenharias.

Downloads

Publicado

10-10-2019

Edição

Seção

Artigos