Extração de informação em bases de dados abertas governamentais através de uma abordagem de mineração descritiva empregando a ferramenta R

Autores

  • Lydia de Castro Cançado Braga Universidade Federal de Itajubá
  • Isabela Neves Drummond Universidade Federal de Itajubá

DOI:

https://doi.org/10.13037/ria.vol14n1.201

Resumo

O processo de extração de conhecimento de grandes bases de dados envolve diversas técnicas. Cada uma delas é apropriada para um tipo de problema e a análise dos métodos utilizados inclui peculiaridades dos dados e a experiência do analista. Neste contexto, dados abertos governamentais tornam-se essenciais para análise dos diversos componentes presentes no cotidiano populacional de um país, como educação, crescimento econômico e política.
Este artigo aborda a criação de uma metodologia de mineração de dados utilizando a linguagem R como ferramenta, buscando verificar seu potencial neste contexto.
Os estudos de casos apresentados utilizam o conjunto de dados Enem 2013, provido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa (INEP), e os Dados das Teses e Dissertações da Pós-Graduação 2012, disponíveis no Banco de Teses e Dissertações da Capes, ambos enquadrados na Lei de Acesso à Informação.
Os resultados alcançados demonstram a viabilidade de aplicação da abordagem proposta na construção de aplicativos, tornando possível a difusão de conhecimento em diversas áreas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

31-05-2020

Edição

Seção

Artigos