ADESÃO AO TRATAMENTO NUTRICIONAL POR PACIENTES ATENDIDOS NA CLÍNICA DE NUTRIÇÃO DOCENTE - ASSISTENCIAL DA UNIVERSIDADE MUNICIPAL DE SÃO CAETANO DO SUL (USCS) ADHERENCE TO NUTRITIONAL TREATMENT AMONG CLINICAL OF NUTRITION’ CLIENTS IN THE UNIVERSITY OF SÃO

Kátia Saunorins Callejon, Ana Carolina Almada Colucci Paternez

Resumo


O objetivo do presente trabalho foi avaliar a adesão ao tratamento nutricional dos pacientes usuários da Clínica
de Nutrição Docente-Assistencial da Universidade Municipal de São Caetano do Sul. Para esta investigação,
foram utilizados os dados de prontuário dos pacientes atendidos na Clínica de Nutrição, no período de junho de
2005 a junho de 2007. As variáveis de interesse foram coletadas a partir da ficha de atendimento, instrumento
aplicado na primeira consulta nutricional e composto por dados sociodemográficos, clínicos e antropométricos.
Após a consulta inicial, procedia-se ao agendamento de nova data (segunda consulta) para orientação da dieta
prescrita e, em seguida, eram agendados os retornos com periodicidade variável de acordo com o caso clínico.
Para a avaliação da adesão, foi quantificado o número de retorno dos pacientes às consultas nutricionais. A
maior parte dos pacientes (44,6%) compareceu ao tratamento apenas duas vezes. Somente 26 pacientes apresentaram
adesão maior de quatro retornos. Quando avaliada sob o aspecto da presença de doenças, a baixa
adesão (< 2 retornos) é maior (82,3%) no grupo de usuários com obesidade, seguida pelos pacientes com
diabetes mellitus tipo 1 (80,0%) e dislipidemias (77,7%). Os resultados obtidos demonstram que, de modo geral,
é pequena a adesão dos pacientes, justificando a necessidade de um planejamento de ações para estreitar o
contato profissional-paciente e, assim, contribuir para o êxito do tratamento nutricional.

Palavras-chave


adesão, atendimento nutricional, dieta.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/rbcs.vol6n17.353

Indexadores: