ESTRUTUTAS DE GOVERNANÇA NO SETOR DE TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS: O CASO DOS PORTOS SECOS NO RIO GRANDE DO SUL

Mauro Barcellos Sopeña, Felipe Almeida

Resumo


Este artigo tem como objetivo evidenciar as diferentes estruturas de governança determinadas pela presença dos custos de transação no setor de transporte rodoviário de cargas em dois importantes portos secos gaúchos, situados nos municípios de Uruguaiana e Santana do Livramento. Para tanto, o artigo analisa as diferentes estruturas de governança assumidas pelos agentes econômicos, tomando como base de investigação dados sobre a especificidade de ativos envolvidos nas transações.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol30n89.1912


 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

 

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora