ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA DIABETES MELLITUS EM POPULÇÃO DE UM BAIRRO PERIFÉRICO DE SÃO PAULO EPIDEMIOLGICAL ASPECTS OF DIABETES MELLITUS ON PERIPHERIC POPULATION FROM SÃO PAULO CITY

Autores

  • Juliana de Paulo Fernandes Universidade Metodista de São Paulo - São Bernardo do Campo
  • Boni Yavo Universidade Municipal de São Caetano do Sul - IMES

DOI:

https://doi.org/10.13037/rbcs.vol3n5.640

Palavras-chave:

diabetes mellitus, epidemiologia, região metropolitana.

Resumo

A prevalência e a incidência da diabetes mellitus vem aumentando de forma assustadora e quase epidêmica. No mundo, o aumento da expectativa de vida da população, o sedentarismo, a obesidade e problemas relacionados com hipertensão exercem importante papel no aparecimento da diabetes na população. No Brasil, a prevalência de diabetes mellitus é bem significante (7,6%). Onde cabe ressaltar uqe 46,5% da população brasileira de portadores de diabetes desconhecem sua condição, e dos 53,5% que têm conhecimento prévio da doença, 23% não fazem qualquer tipo de tratamento. Asiim, o objetivo deste estudo é identificar os fatores de risco para a diabetes mellitus e diagnosticar precocemente portadores desta doença em indivíduos da comunidade do Jardim Angela - SP. Os resultados permitiram concluir que 21% deles eram obesos, 42% apresentaram antecedência familiar, 70% eram sedentários e 37% tinham problemas de hipertensão. Dos 112 indivíduos analisados neste século, apenas três apresentaram conhecimento prévio da doença. Com o resultado da glicemia capilar, foram diagnosticados mais nove novos casos. Estes resultados indicam necessidade de um programa educativo junto a comunidades carentes, visando levar o conhecimento da diabtes mellitus para a população, para que esta possa buscar estilos de vida saudáveis, a fim de prevenir os fatores de risco para a diabetes mellitus.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)