SEGURANÇA DO TRABALHO NO AMBIENTE HOSPITALAR FRENTE À PANDEMIA DA COVID-19

Autores

Palavras-chave:

Saúde do Trabalhador, Infecções por Coronavirus, Pessoal de saúde, Unidades Hospitalares, Hospitais.

Resumo

Introdução: A COVID-19, emergente doença do coronavírus, teve início em dezembro de 2019, em Wuhan, capital da província de Hubei, China. Devido à alta transmissibilidade logo se espalhou para países adjacentes, o que ocasionou a pandemia. Assim, formou-se um novo cenário nos serviços de saúde em relação às ações em saúde e segurança dos profissionais envolvidos nos cuidados à população. Objetivos: Identificar trabalhos científicos que abordem as medidas de segurança do trabalho no ambiente hospitalar frente à pandemia do novo coronavírus. Materiais e Métodos: Revisão integrativa (RI) da literatura conduzida na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) em maio de 2020. A avaliação do nível de evidência foi obtida por meio do método Oxford Centre for Evidence-based Medicine. Resultados: Foram selecionados seis estudos, publicado em 2020, indexados nas bases MEDLINE, LILACS e BDENF. Todos se tratavam de relatos de casos/experiência. Apenas um deles foi produzido por enfermeiros e os outros por médicos. Quanto aos países de origem dos artigos, pode-se citar: Brasil, Itália, Turquia, Austrália e República da Coréia. Conclusões: Apesar do baixo nível de evidência das publicações avaliadas, conclui-se que há consensos entre elas que as medidas de segurança indispensável no ambiente hospitalar frente à pandemia da Covid-19 são o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), assim como a retirada e a colocação, higienização das mãos e a desinfecção do ambiente de trabalho. O suporte psicológico para os trabalhadores também esteve presente nos mais diversos textos, na perspectiva de evitar o adoecimento do trabalhador e a propagação da doença.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rillary Caroline de Melo Silva, Universidade Federal de Alagoas

Graduanda em Enfermagem na Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Alagoas.

Maria Caroline de Melo Silva, Centro Universitário CESMAC

Graduanda em Nutrição no Centro Universitário CESMAC.

Christefany Régia Braz Costa, Universidade Federal de Alagoas

Enfermeira. Especialista em Cardiologia, modalidade residência, pelo Pronto-Socorro Cardiológico de Pernambuco Prof. Luiz Tavares vinculado a Universidade de Pernambuco-PROCAPE/UPE. Mestra em Ciências e doutoranda pelo Programa de Enfermagem Fundamental da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo-EERP/USP.

Referências

Governo do estado do Ceará. Plano estadual de contingência para resposta às emergências em saúde pública: novo Coronavírus (2019-nCoV). Secretaria da Saúde. 2020.

Gallasch CH, Cunha ML, Pereira LAS, Silva-Junior JS. Prevenção relacionada à exposição ocupacional do profissional de saúde no cenário de COVID-19. Rev enferm UERJ. 2020; 28:e49596.

Ministério do Trabalho e Emprego (Br). Portaria nº 485, de 11 de novembro de 2005. Aprova a norma regulamentadora nº 32 (Segurança e saúde no trabalho em estabelecimentos de saúde). Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília. 2005.

Mendes KS, Silveira RCP, Galvão CM. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto contexto - enferm. 2008 Dec; 17(4): 758-764.

Galvão TF, Pansani TSA, Harrad D. Principais itens para relatar Revisões sistemáticas e Meta-análises: a recomendação prisma. Epidemiol Serv Saúde. 2015;24(2):335-342.

Santos CMC, Pimenta CAM, Nobre MRC. A estratégia do PICO para a construção de perguntas de pesquisa e busca de evidências. Rev Latino-Am Enfermagem. 2007; 15 (3): 508-511.

Oxford Centre for Evidence-based Medicine: levels of evidence. March, 2009.

Rodrigues NH, Silva LGA. Gestão da pandemia Coronavírus em um hospital: relato de experiência profissional. J nurs health. 2020; 10(n.esp.):e20104004.

Ferioli M, Cisternino C, Leo V, Pisani L, Palange P, Nava S. Protegendo os profissionais de saúde da infecção por SARS-CoV-2: indicações práticas. Eur Respir R. 2020; 29(155): 200068.

Ağalar C, Öztürk Engi̇n D. Protective measures for COVID-19 for healthcare providers and laboratory personnel. Turk J Med Sci. 2020; 50:578-584.

Chughtai AA, Seale H, Islam MS, Owais M, Macintyre CR. Policies on the use of respiratory protection for hospital health workers to protect from coronavirus disease (COVID-19). Int J Nurs Stud. 2020; 105:103567.

Lima DS, Filho JADL, Gurgel MVSA, Neto AFA, Costa EFM, Filho FXFM, et al. Recomendações para cirurgia de emergência durante a pandemia do COVID-19. J. Health Biol Sci. 2020; 8(1):1-3.

Hun S. How to train health personnel to protect themselves from SARS-CoV-2 (novel coronavirus) infection when caring for a patient or suspected case. J Educ Eval Health Prof. 2020; 17:10.

The Healthcare Infection Society. Reasons for healthcare workers becoming infected with novel coronavirus disease 2019 (COVID-19) in China. J Hosp Infect. 2020 May;105(1):100-101.

Agência Nacional de Vigilância Sanitária. NOTA TÉCNICA GVIMS/GGTES/ANVISA Nº 04/2020 de 08 de maio de 2020. 2020.

Ministério do Trabalho (BR). Portaria SIT n.º 25, de 15 de outubro de 2001. Altera a Norma Regulamentadora que trata de Equipamento de Proteção Individual – NR6 e dá outras providências. 2020.

Organização Pan-Americana de Saúde. Uso racional de equipamentos de proteção individual para a doença de coronavírus 2019 (COVID-19) Orientação provisória. 2020.

Chughtai AA, Stelzer-Braid S, Rawlinson W, Pontivivo G, Wang Q, Pan Y, et al. Contamination by respiratory viruses on outer surface of medical masks used by hospital healthcare workers. BMC Infect Dis. 2019;19(491).

Darlenski R, Tsankov N. Covid-19 pandemic and the skin - What should dermatologists know? Clin Dermatol. 2020. [Epub ahead of print]

Alves JR. Recomendações em cirurgia durante a pandemia da Covid-19. Arq Catarin Med. 2020;49(1):110-125.

Schmidt B, Crepaldi MA, Bolze SDA, Neiva-Silva, Demenech LM. Saúde mental e intervenções psicológicas diante da pandemia do novo coronavírus (COVID-19). Estud Psicol. 2020;37:e200063.

Varshney M, Parel JT, Raizada N, Sarin SK. Initial psychological impact of COVID-19 and its correlates in Indian Community: An online (FEEL-COVID) survey. PLoS ONE. 2020; 15(5): e0233874.

Downloads

Publicado

26-10-2020

Edição

Seção

ARTIGOS DE REVISÃO