Música e televisão: Uma poética do videoclipe

Herom Vargas

Resumo


A intenção deste artigo é mostrar alguns elementos que apresentam o videoclipe como uma linguagem audiovisual auto-suficiente, desautorizando as análises que o vêem como um mero produto repetitivo e superficial da indústria cultural, cuja única função é servir de commodity para a canção popular. Com essa autonomia, queremos demonstrar alguns dos procedimentos criativos do videoclipe, as novas formas de percepção e as dinâmicas da síntese música popular-televisão através de uma noção operativa básica: a sinestesia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/ci.vol1n1.817

Indexadores de que a C&I faz parte:

 

 

Latindex

Latindex

 

ISSN 2178-0145