Preço de Transferência Interna como Instrumento Gerencial: Um Estudo da Utilização por Indústrias Localizadas no Estado Rio Grande do Sul

Autores

  • Marcos Antonio Souza Unisinos
  • Mauricio Farias Cardoso Unisinos
  • Rosane Machado

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol27n79.1043

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar o uso do preço de transferência interna como parte dos instrumentos gerenciais das empresas. O crescimento das organizações provoca, dentre outras questões, a necessidade de adaptação das práticas de gestão. Para empresas que optaram por uma gestão descentralizada, o preço de transferência interna, segundo a literatura da área, revela-se de grande utilidade. A pesquisa realizada identificase como um estudo exploratório, descritivo e qualitativo. Para desenvolvimento do estudo, utilizou-se a estratégia metodológica do estudo de caso múltiplo, o qual contou com a participação de três empresas gaúchas de médio e grande porte, que viabilizaram a coleta de dados mediante entrevistas realizadas com os respectivos gestores. Os principais resultados sinalizam que o uso do preço de transferência está consistente com as recomendações da literatura enquanto instrumento de planejamento, controle e avaliação de desempenho das áreas e dos gestores correspondentes, prevalecendo o preço baseado no custo real e no custo padrão mais margem. Os entrevistados ratificaram a utilidade do preço de transferência em possibilitar a identificação das principais fontes geradoras de valor na empresa.


Palavras-chave: gestão empresarial, descentralização, resultado divisional, preço de transferência interna.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Antonio Souza, Unisinos

Doutor em Controladoria e Contabilidade pela FEA/USP. Professor do Curso de Mestrado em Ciências Contábeis da Unisinos

Mauricio Farias Cardoso, Unisinos

Mestrando em Ciências Contábeis pela Unisinos

Rosane Machado

Mestranda em Ciências Contábeis pela Unisinos

Downloads

Publicado

13-06-2011