Análise da Relação entre o Preço de Mercado das Ações Ordinárias e as Políticas de Investimento, Financiamento e Dividendos – Um Estudo de Caso da Petrobrás, Cia. Brasileira de Distribuição, Bradesco, British Petroleum, Wall Mart e Citigroup

Autores

  • José Odálio dos Santos Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP
  • Moacir Xavier Fundação Santo André - FSA

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol25n75.204

Resumo

Esta pesquisa analisou se o preço da ação ordinária é imediatamente influenciado pelas políticas de investimento, financiamento e dividendos. Para tanto, foram escolhidas quatro empresas, sendo três nacionais e uma estrangeira, nos segmentos de petróleo, de varejo e bancário. O processo de avaliação consistiu em analisar estatisticamente as séries históricas de preços e os índices históricos representativos das políticas de investimento, financiamento e dividendos. As ferramentas estatísticas de validação utilizadas foram os coeficientes de correlação linear e múltiplo, e o coeficiente de determinação ajustado. O desenvolvimento do trabalho permitiu verificar que, no período de 2000 a 2007, as estratégias financeiras citadas não influenciaram, sobremaneira, os preços das ações no mercado. Fato a destacar foi que a variável representativa da estrutura de capital, na maioria das análises, mostrou coeficientes com sinal contrário ao esperado do ponto de vista teórico, apresentando-se negativamente correlacionada com os preços. A percepção de risco, por parte do investidor, talvez tenha sido a causa dessa anomalia.

 

Palavras-chave: investimento, alavancagem, dividendos, valor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

04-01-2010