COMPETITIVIDADE DA MADEIRA SERRADA DO ESTADO DE MATO GROSSO – BRASIL

Edson Rodrigues de Aro, Mario Otavio Batalha

Resumo


A produção madeireira mato-grossense possui inquestionável importância para o Brasil e o Mato Grosso; entretanto, ela ainda enfrenta problemas importantes que vêm impactando sua competitividade. O objetivo deste artigo é justamente o de identificar e avaliar os fatores de competitividade do primeiro processamento de transformação industrial da cadeia da madeira serrada em Mato Grosso como forma de propor políticas públicas e privadas voltadas ao incremento da competitividade deste sistema. A pesquisa retratada neste artigo utilizou os seguintes direcionadores de competitividade: tecnologia, insumos e infraestrutura, gestão das unidades de produção, ambiente institucional, estrutura de mercado e governança e sustentabilidade ambiental. A pesquisa revelou que os maiores problemas de competitividade da cadeia de produção agroindustrial estudada estavam ligados a questões ambientais e institucionais. Assim, grande parte das sugestões de ações de melhoria da competitividade situa-se no âmbito destes dois conjuntos de fatores.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/gr.vol29n87.2191



 

Indexadores de que a G&R faz parte:


   DOAJ OAIster OCLC Ulrich LiVre Redalyc  SUMARIOS.org LatindexProquest

 

A G&R utiliza o                software  iThenticate para detecção e  prevenção de plágio 
 

    
 
 
 
A G&R é signatária da Declaração        de São Francisco sobre Avaliação        de Pesquisa- Dora