COMPETITIVIDADE DA MADEIRA SERRADA DO ESTADO DE MATO GROSSO – BRASIL

Autores

  • Edson Rodrigues de Aro
  • Mario Otavio Batalha

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol29n87.2191

Resumo

A produção madeireira mato-grossense possui inquestionável importância para o Brasil e o Mato Grosso; entretanto, ela ainda enfrenta problemas importantes que vêm impactando sua competitividade. O objetivo deste artigo é justamente o de identificar e avaliar os fatores de competitividade do primeiro processamento de transformação industrial da cadeia da madeira serrada em Mato Grosso como forma de propor políticas públicas e privadas voltadas ao incremento da competitividade deste sistema. A pesquisa retratada neste artigo utilizou os seguintes direcionadores de competitividade: tecnologia, insumos e infraestrutura, gestão das unidades de produção, ambiente institucional, estrutura de mercado e governança e sustentabilidade ambiental. A pesquisa revelou que os maiores problemas de competitividade da cadeia de produção agroindustrial estudada estavam ligados a questões ambientais e institucionais. Assim, grande parte das sugestões de ações de melhoria da competitividade situa-se no âmbito destes dois conjuntos de fatores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edson Rodrigues de Aro

Professor da Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT – Cuiabá (MT), Brasil.

Mario Otavio Batalha

Professor Associado do Departamento de Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos – São Carlos (SP), Brasil.

Downloads

Publicado

18-12-2013