CRISE FINANCEIRA E OS SISTEMAS BANCÁRIOS DE BRASIL E ALEMANHA – O PAPEL DOS BANCOS PÚBLICOS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol36n107.5658

Resumo

Este trabalho buscou analisar a importância dos bancos públicos na implantação de políticas anticíclicas de contenção da crise do subprime (2007-2008) no Brasil e na Alemanha, países diferentes em termos de desenvolvimento econômico e financeiro, mas ambos ‘bank baseds’. Para cumprir este objetivo, foram apresentados os desdobramentos da crise no sistema financeiro dos Estados Unidos e como a Alemanha e o Brasil foram atingidos. Foram estudadas as políticas aplicadas pelos governos no sentido de conter os avanços da crise e, através dos indicadores de alavancagem financeira e preferência pela liquidez, como as instituições financeiras se comportaram dado o tipo de controle acionário. Foi verificado que as instituições públicas desempenharam importante papel de estabilização no período de instabilidade econômica no que tange ao fornecimento de crédito contribuindo para manutenção da liquidez em ambos os países.
Palavras-chave: crise financeira, bancos públicos, sistema financeiro, políticas anticíclicas, alavancagem, preferência pela liquidez.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Faria Silva, Universidade Federal de Ouro Preto

PHD in Economics from Center of Development and Regional Planning, CEDEPLAR/UFMG (2007- 2011). Permanent Professor and researcher (Departament of Economics) at Federal University of Ouro Preto (UFOP). Researcher at Laboratory of Studies on Money and Territory (LEMTe) at CEDEPLAR/ UFMG (2008 - actually). Coordinator of Postgraduate Program in Applied Economics of UFOP (PPEA-UFOP) from January 2016 to April 2018. Coordinator of "Emergent" Group in Applied Economics (PROPP/ UFOP and CNPq) - (May 2013 - December 2015). Visiting Scholarship Student at University of La Laguna, Spain (September 2009- August 2010). Her research interests issues include: Development economics; Urban and Regional Economics, Economic Geography, Brazilian Economy.

Iara Moreira Chaves, Universidade Federal de Ouro Preto

Economista formada pela UFOP. Tem interesse em temas como: sistema financeiro;  análise comparativa de sistemas bancários e crises financeiras. Foi bolsista PROBIC-FAPEMIG/ UFOP de iniciação científica (2014-2015).

Downloads

Publicado

13-01-2020