Redução do IPI e os reflexos nas finanças públicas dos municípios de Minas Gerais

Autores

  • MICHELLE APARECIDA VIEIRA Universidade Federal de UberlândiaFaculdade de Ciências Contábeis (FACIC)Programa de Pós Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC/UFU)Uberlândia- Minas Gerais https://orcid.org/0000-0002-9170-9749
  • DAVID ALVES OLIVEIRA Universidade Federal de UberlândiaFaculdade de Ciências Contábeis (FACIC)Uberlândia- Minas Gerais https://orcid.org/0000-0002-1411-1065
  • LUCIMAR ANTÔNIO CABRAL DE ÁVILA Universidade Federal de UberlândiaFaculdade de Ciências Contábeis (FACIC)Programa de Pós Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC/UFU)Uberlândia- Minas Gerais https://orcid.org/0000-0002-8244-155X

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol37n111.6262

Palavras-chave:

IPI, Desoneração, FPM.

Resumo

As desonerações do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), implementadas pela União para contornar os efeitos negativos da crise financeira mundial, influenciaram significativamente a composição do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), principal fonte de financiamento das finanças públicas municipais. Dessa forma, este estudo teve como objetivo verificar se as receitas dos municípios de Minas Gerais e seus indicadores socioeconômicos sofreram alterações significativas após a renúncia fiscal do IPI praticada pelo governo federal a partir de 2008. Os resultados evidenciam que os municípios de pequeno porte foram os que mais sofreram os efeitos negativos da redução do IPI sobre o FPM. Por outro lado, identificou-se também que para mais de 50% dos municípios analisados houve um aumento nos níveis da arrecadação tributária e também nos valores transferidos a título do FPM, em virtude do apoio financeiro concedido pela União.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

MICHELLE APARECIDA VIEIRA, Universidade Federal de UberlândiaFaculdade de Ciências Contábeis (FACIC)Programa de Pós Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC/UFU)Uberlândia- Minas Gerais

Doutoranda em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia

DAVID ALVES OLIVEIRA, Universidade Federal de UberlândiaFaculdade de Ciências Contábeis (FACIC)Uberlândia- Minas Gerais

Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia

LUCIMAR ANTÔNIO CABRAL DE ÁVILA, Universidade Federal de UberlândiaFaculdade de Ciências Contábeis (FACIC)Programa de Pós Graduação em Ciências Contábeis (PPGCC/UFU)Uberlândia- Minas Gerais

Doutor em Administração de Empresas (2013) pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo - Fundação Getúlio Vargas. É professor da Faculdade de Ciências Contábeis da Universidade Federal de Uberlândia.

Publicado

2021-05-13

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)