EMPREENDEDORISMO SOCIAL EM REDES INTERORGANIZACIONAIS: O FLUXO MIMÉTRICO COMO ABSORÇÃO ADAPTATIVA NA FORMAÇÃO DE COMPETÊNCIAS PARA O EMPODERAMENTO SOCIAL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol36n109.6632

Palavras-chave:

Empreendedorismo, Redes de relacionamento, Fluxo mimético, Competências, Empoderamento social

Resumo

Este estudo tem como objetivo analisar as ações implementadas no empreendedorismo social em redes com a utilização do fluxo mimético no processo de formação de competências pessoais e sociais para empoderamento da comunidade. Por meio de pesquisa exploratória, de natureza qualitativa, a pesquisa de campo foi realizada com a utilização de entrevistas semiestruradas junto ao diretor do I.F.P., a representante da Ecovila Portuguesa (Tamera) e os membros da comunidade.  Os resultados da pesquisa apontam que a atuação do empreendedor social em redes está vinculada aos espaços e contextos de aprendizagem, à liderança coletiva promotora de comportamentos decorrentes do estímulo para absorção do fluxo mimético junto aos membros da comunidade.  Ao final do estudo são apresentadas três proposições para futuras pesquisas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roberto Bazanini, Universidade Paulista (UNIP)

Pós-Doutor, Doutor e Mestre em Comunicação. Bacharel em Administração, Pedagogia e Filosofia. Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Paulista (UNIP).

Joanilson Rodrigues Da Silva, Universidade Paulista (UNIP) Universidade Strong (FGV/Santos)

Mestre em Administração pela Universidade Paulista (UNIP).

Professor da Strong (FGV/Santos).

Marcos Antonio Biffi, Universidade Municipal de São Caetano do Sul

Doutorando em Comunicação pela PUC/SP (2017). Mestre em Educação/Ciências Humanas pela Universidade Guarulhos (2001). Especialização em Mercado de Capitais pela Universidade São Judas Tadeu (1987). Graduação em Ciências Econômicas pela Universidade São Judas Tadeu (1985). É professor concursado desde 1990 na USCS- Universidade Municipal de São Caetano do Sul. Pró-Reitor de Graduação na USCS de 2013 a 2016. Desde 2013, é Diretor Presidente da FAUSCS ? Fundação de Apoio a Universidade Municipal de São Caetano do Sul. Avaliador Institucional do MEC/INEP no período de 1998 a 2004. Consultor educacional na elaboração de novas instituições de ensino superior e de cursos superiores. Elaboração e planejamento de projetos institucionais junto ao MEC e CEE. Realização de projetos acadêmicos e institucionais. Vivência como professor universitário e experiência em orientação de trabalhos monográficos há desde 1985. Tem experiência na Administração Pública. Também na área de Concursos Públicos, Processos Seletivos e Vestibulares com ênfase na gestão do processo envolvendo a elaboração de editais, treinamento para a equipe de inscrição, coordenação e fiscalização; elaboração, aplicação e correção de provas objetivas e/ou teóricas e final apresentação de resultado.

Downloads

Publicado

29-09-2020