INCLUSÃO DE UMA ALUNA COM DEFICIÊNCIA AUDITIVA NO CURSO DE ENFERMAGEM EM UMA UNIVERSIDADE PÚBLICA DE ALAGOAS

Uirassú Tupinambá Silva De Lima, Antonio Carlos Silva Costa

Resumo


Na atualidade, tem-se observado um aumento no número de pesquisas enfocando ainclusão de pessoas com deficiência nas instituições de ensino superior (IES).No entanto, nos cursos de graduação da área de saúde estas investigações aindasão restritas. Diante desta situação, o presente estudoteve como objetivo compreender o processo de inclusão de uma aluna comdeficiência auditiva em uma universidade pública. A metodologia utilizada foiuma pesquisa descritiva que se utilizou do estudo de caso e da análise deconteúdo. Os resultados evidenciam que a inclusão desta aluna tem ocorrido demaneira satisfatória em sua percepção por motivos como consciência, apoiofamiliar, enfrentamento, relações interpessoais, atendimento especializado,resiliência e envolvimento acadêmico. Conclui-se que a partir do depoimento daaluna foi possível verificar que o relacionar-se com as diferenças é muitoimportante para conscientização das pessoas em relação ao respeito à igualdade,à singularidade e à subjetivação de cadaum, visando à extinção do preconceito.

Palavras-chave


Enfermagem, Pessoas com deficiência, perda auditiva, educação superior.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13037/rbcs.vol12n41.2251