COMPARAÇÃO ENTRE O TRATAMENTO NO SOLO E NA HIDROTERAPIA PARA PACIENTES COM OSTEOPOROSE: REVISÃO DA LITERATURA COMPARISON BETWEEN HYDROTHERAPY AND GROUND TREATMENT FOR OSTEOPOROSIS PATIENTS: A LITERATURE REVIEW

Autores

  • Michelle Cristina de Souza Molina Gomes Universidade Municipal de São Caetano do Sul – IMES
  • Rosamaria Rodrigues Garcia Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, Universidade Municipal de São Caetano do Sul – IMES
  • Rosamaria Rodrigues Garcia Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, Universidade Municipal de São Caetano do Sul – IMES

DOI:

https://doi.org/10.13037/rbcs.vol4n7.447

Palavras-chave:

osteoporose, atividade física, exercícios, hidroterapia, fisioterapia.

Resumo

O presente estudo realizou uma revisão de literatura para verifi car os benefícios obtidos por meio dos exercícios realizados no solo e os resultados obtidos com os exercícios na hidroterapia para pacientes osteoporóticos. A osteoporose se tornou um problema de saúde pública atualmente, por isso torna-se imprescindível o desenvolvimento de programas de tratamento e de prevenção dessa doença. Nesse ponto, o papel da atividade física tem provocado cada vez mais interesse como um meio de manutenção e de melhoria da qualidade de vida de pacientes osteoporóticos. A maior parte dos estudos analisados concorda que a atividade física consegue aumentar a densidade mineral óssea dos pacientes ou, ao menos, diminuir as perdas. Deve ser considerado que alguns tipos de atividade, promovem maior incremento da massa óssea em relação a outros tipos de atividade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Edição

Seção

ARTIGOS DE REVISÃO

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)