Análise de construção de sentido em redes digitais: a política das diferenças no caso da Rede Ninja de Opinião

Autores

  • Maria Clara Aquino Bittencourt Universidade do Vale do Rio dos Sinos
  • Christian Gonzatti Universidade do Vale do Rio dos Sinos

DOI:

https://doi.org/10.13037/ci.vol19n39.4926

Palavras-chave:

Jornalismo digital. Análise de construção de sentido. Rede Ninja de Opinião. Coletivos midiáticos. Sites de redes sociais.

Resumo

Este artigo analisa um caso específico dentro de um projeto de pesquisa que investiga a produção e a circulação de conteúdos jornalísticos por coleti­vos midiáticos brasileiros, desde agosto de 2015. O mapeamento dos coletivos indica que questões de gênero, raça e sexualidade recebem destaque em alguns dos grupos analisados. Desde março de 2017, o coletivo Mídia Ninja vem constituindo a Rede Ninja de Opinião. Aqui investigamos a formação dessa rede por meio do método de análise de construção de sentidos em redes digitais, considerando três colunas publicadas no site e na fanpage do coletivo no Facebook para identificar os sentidos acionados e mostrar como o coletivo estimulou a produção de sentido pelas redes digitais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Clara Aquino Bittencourt, Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Doutora e mestre em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Pós-doutorada pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

Christian Gonzatti, Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

Downloads

Publicado

20-04-2018