ANÁLISE FÍLMICA EM PESQUISAS EM ADMINISTRAÇÃO: SABENDO O PORQUÊ E COMO UTILIZÁ-LA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.13037/gr.vol37n112.7666

Palavras-chave:

Análise Fílmica, Pesquisa qualitativa, estudos observacionais

Resumo

Apesar de muitas publicações recentes em revistas científicas, parece faltar um amplo entendimento da produção de estudos observacionais usando a análise fílmica. Este artigo revisa o uso crescente da análise fílmica como uma estratégia de pesquisa qualitativa no campo de estudos da administração, com atenção especial para o porquê e como utilizá-la. Assim, esta revisão inicia-se com questões como: O que são esses estudos? Quais são os fatores que devem ser considerados para que continuem sendo produzidos? Quais são as possibilidades de lócus? Como o rigor científico é contemplado? Como resultado, espera-se um melhor entendimento qualitativo, descritivo, indutivo, interpretativo e reflexivo de seus aspectos metodológicos. Sua contribuição pode apoiar pesquisadores interessados ​​em produzir estudos observacionais em análise fílmica, atentando para o rigor dessa abordagem de pesquisa, aplicada no passo a passo específico de cada estudo e considerando o lócus e objeto de estudo escolhidos.

Palavras-chave: Análise Fílmica. Pesquisa Qualitativa. Estudos Observacionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nildes Raimunda Pitombo Leite, Departamento de Administração, Escola Paulista de Política, Economia e Negócios, Campus Osasco, Universidade Federal de São Paulo

Profª Adjunta da UNIFESP, Campus Osasco, Departamento de Administração, Área de Administração de Gestão de Pessoas.

Correspondence concerning this article should be addressed to Nildes R. P. Leite, Rua Oleska Winogradow, 100, Osasco, SP, 06120-042, Email: nildes.pitombo@unifesp.br.

Fábio Pitombo Leite, Department of Psychology, Lima Campus, The Ohio State University

Fábio é o autor responável pela tradução para o Inglês.

Augusto Takerissa Nishimura, Centro Universitário FAM

Professor Dr. pela FEA-USP

FAM – Campus Paulista

Marco Antonio Batista da Silva , Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais-Campus Avançado Carmo de Minas

Prof. Dr. pela Universidade Nove de Julho - UNINOVE

Emerson Gomes dos Santos , Departamento de Administração, Escola Paulista de Política, Economia e Negócios, Campus Osasco, Universidade Federal de São Paulo

Prof. Dr. pela USP

Referências

Abbagnano, N. (2003). Dicionário de filosofia [Philosophy dictionary]. São Paulo: Martins Fontes.

Aoki, V. C. G. & Santos, S. S. S. (2020). Film analysis in management: A journey through the metaphors of the concept of leadership. Revista de Gestão, 27(2), 119-134.

Banks, M. (2009). Dados visuais para pesquisa qualitativa [Visual data for qualitative research]. Porto Alegre: Artmed.

Bizarria, F. P. A., Tavares, J. C. S., Brasil, M. V. O., Tassigny, M. M., & Silva, M. A. (2017). O que um filme pode nos ensinar? Estudo observacional e análise do tema sustentabilidade no filme “Os Sem Floresta” [What can a movie teach us? Observational study and analysis of the sustainability theme in the film “Os Sem Floresta”]. Desenvolvimento em Questão, 15(40), 204-229.

Champoux, J. E. (1999). Film as a teaching resource. Journal of Management Inquiry, 8(2), 206-217.

Chizzotti, A. (2003). A pesquisa qualitativa em ciências humanas e sociais: evolução e desafios [Qualitative research in human and social sciences: Evolution and challenges]. Braga/Portugal: Revista Portuguesa de Educação 16(2), 221-236.

Chizzotti, A. (2008). Pesquisa qualitativa em ciências humanas e sociais [Qualitative research in human and social sciences]. Petrópolis: Vozes.

Cooper, D. R. & Schindler, P. S. (2011). Métodos de pesquisa em Administração [Methods of research in the field of Administration]. Porto Alegre: Bookman.

Creswell, J. W. (2010). Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto [Research project: qualitative, quantitative and mixed methods]. Porto Alegre: Artmed.

Demo, P. (2015). Metodologia do conhecimento científico [Methodology of scientific knowledge]. São Paulo: Atlas.

Denzin, N. K. (1989). The research act: A theoretical introduction to sociological methods. Chicago: Aldine Publishing Company.

Denzin, N. K. (2004). Reading film: using films and videos as empirical social science material. In: Flick, U., von Kardorff, E., & Steinke, I. A companion to qualitative research, 237-242. California. Thousand Oaks: Sage Publications.

Denzin, N. K. & Lincoln, Y. S. (2006). O planejamento da pesquisa qualitativa: teorias e abordagens [Qualitative research planning: theories and approaches]. Porto Alegre: Artmed.

Fleury, M. T. L. & Sarsur, A. M. (2007). O quadro negro como tela: o uso do filme Nenhum a Menos como recurso de aprendizagem em gestão por competências [The blackboard as a screen: the use of the film Not One Less as a learning resource in competency management]. Rio de Janeiro: CADERNOS EBAPE.BR, 5(1), 1-17.

Flick, U. (2002). Qualitative research: State of the art. Sage Publications, 41(1), 5-24.

Flick, U. (2004). Uma introdução à pesquisa qualitativa [An introduction to qualitative research]. Porto Alegre: Bookman.

Flick, U., von Kardoff, E., & Steinke, I. (2004). What is qualitative research? An introduction to the field. In: Flick, U., von Kardorff, E., & Steinke, I. A companion to qualitative research, 3-11. California. Thousand Oaks: Sage Publications.

Freitas, A. D. G. & Leite, N. R. P. (2015). Linguagem fílmica: uma metáfora de comunicação para a análise dos discursos nas organizações [Filmic language: a communication metaphor for discourse analysis in organizations]. São Paulo: Revista de Administração - RAUSP, 50(1), 89-104.

Gil, A. C. (2014). Métodos e técnicas de pesquisa social [Methods and techniques of social research]. São Paulo: Atlas.

Godoy, A. S. (1995). Introdução à pesquisa qualitativa e suas possibilidades [Introduction to qualitative research and its possibilities]. São Paulo: Revista de Administração de Empresas – RAE, 35(2), 57-63.

Huczynski, A. & Buchanan, D. (2004). Theory from fiction: a narrative process perspective on the pedagogical use of feature film. Journal of Management Education, 28(6), 707-726.

Ipiranga, A. S. R. (2007). A narração fílmica no ensino de gestão de pessoas e de comportamento organizacional [Film narration in teaching people management and organizational behavior]. In: Davel, E., Vergara, S. C., & Ghadiri, D. P. (Orgs.) Administração com arte: experiências vividas de ensino-aprendizagem [Administration with art: lived teaching-learning experiences], 81-91. São Paulo: Atlas.

Jones, M. (2014). Researching organizations: The practice of organizational fieldwork. Los Angeles/London/New Delhi/Singapore /Washington DC: SAGE.

Leite, N. R. P., Amaral, I. G., Freitas, A. D. G., & Alvarenga, M. A. (2012). Projetos educacionais e estudos observacionais em análise fílmica: qual o atual status de produção no Brasil? [Educational projects and observational studies in film analysis: what is the current status of production in Brazil?] São Paulo: Revista de Gestão e Projetos – GeP, 3(3), 215-250.

Leite, N. R. P. & Leite F. P. (2007). Um estudo observacional do filme ‘Denise está Chamando’ à luz da Teoria de Ação de Chris Argyris e Donald Schön [Study of the motion picture “Denise Calls Up” focusing on the action theory by Chris Argyris and Donald Schön]. São Paulo: Revista de Gestão da REGE USP, (especial), 77-91.

Leite, N. R. P. & Leite, F. P. (2010). A linguagem fílmica na formação e no fortalecimento de grupos, equipes e times de trabalho: aplicações do estudo observacional [The role of filmic language in the establishment and strengthening of workgroups: observational study applications]. São Paulo: Revista de Gestão – REGE USP, 17(1), 75-97.

Leite, N. R. P. & Leite F. P. (2012). Protocolo de observações para o processo de coleta e análise de dados oriundos de filmes comerciais, sob a égide dos estudos observacionais no processo de ensino-aprendizagem e pesquisa em Administração [Observation protocol for collecting and analyzing data from commercial films, under the auspices of observational studies in the teaching-learning process and research in management]. (Technical Production.)

Leite, N. R. P., Leite F. P., Gardini, A. P. S., Nishimura, A. T., Silva, C. C., Amaral, I. G., Novaes, J. R. T. C., & Silva, M. A. B. (2017). Processo de ensino-aprendizagem e pesquisa em administração: lições a partir da análise de discursos pedagógicos [Teaching-learning process and management research: lessons from the analysis of pedagogical discourses]. (Research Report.)

Leite, N. R. P., Leite, F. P., Nishimura, A. T. & Cherez, R. L. (2010). Educação tutorial: revitalizando ensino-aprendizagem e pesquisa em Administração [Tutorial education: revitalizing teaching-learning and research in Management]. Belo Horizonte: Revista de Administração FACES, 9(4), 87-104.

Leite, N. R. P., Nishimura, A. T., Silva, M. A. B., & Santos, E. G. (2021). Análise fílmica em Administração: dos processos de insipiência e incipiência até as elucidações em seus aspectos conceituais, metodológicos e de aplicação [Film analysis in Management: from incipient processes to clarifications in their conceptual, methodological and application aspects]. In preparation.

Loizos, P. (2011). Vídeo, filme e fotografias como documentos de pesquisa [Video, film and photographs as research documents]. In: Bauer, M. W. & Gaskell, G. Pesquisa Qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático [Qualitative research with text, image and sound: a practical manual]. Rio de Janeiro: Vozes.

Matos, F. R. N., Lima, A. C., & Giesbrecht, C. M. (2011). Estudo observacional das relações de poder no filme ‘O Óleo de Lorenzo’ [Observational study of power relations in the film ‘The Oil of Lorenzo’]. Rio de Janeiro: CADERNOS EBAPE.BR, 9(2), artigo 11, 438-449.

Martins, G. A. & Theóphilo, C. R. (2009). Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas [Scientific research methodology for applied social sciences]. São Paulo: Atlas.

Mendonça, J. R. C. & Guimarães, F. P. (2008). Do quadro aos "quadros": o uso de filmes como recurso didático no ensino de administração [From the board to the "frames": the use of films as a didactic resource in teaching management]. Rio de Janeiro: CADERNOS EBAPE.BR, 6(especial), 1-21.

Minayo, M. C. (Org). (2004). Pesquisa social: teoria, método e criatividade [Social research: theory, method and creativity]. Petrópolis, RJ: Vozes.

Rose, D. (2011). Análise de imagens em movimento [Moving image analysis]. In: Bauer, M. W. & Gaskell, G. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático [Qualitative research with text, image and sound: a practical manual]. Rio de Janeiro: Vozes.

Severino, A. J. (2016). Metodologia do trabalho científico [Scientific work methodology]. São Paulo: Cortez.

Silva, A. B. (2010). A fenomenologia como método de pesquisa em estudos organizacionais [Phenomenology as a research method in organizational studies]. In: Godoi, C. K., Bandeira-de-Melo, R., & Silva, A. B. (Orgs.). Pesquisa qualitativa em estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos [Qualitative research in organizational studies: paradigms, strategies and methods]. São Paulo: Saraiva.

Strauss, A. & Corbin, J. (2008) Pesquisa qualitativa: técnicas e procedimentos para o desenvolvimento de teoria fundamentada [Qualitative research: techniques and procedures for the development of grounded theory]. Porto Alegre: Artmed.

Triviños, A. N. S. (2013). Introdução à pesquisa em Ciências Sociais: a pesquisa qualitativa em Educação [Introduction to Social Science research: qualitative research in Education]. São Paulo: Atlas.

Vanoye, F. & Goliot-Lèté, A. (1992). Précis d’analyse filmique [Precise film analysis]. Paris: Éditions Nathan.

Vanoye, F. & Goliot-Lèté, A. (2012). Ensaio sobre análise fílmica [Essay on film analysis]. Campinas, SP: Papirus.

Vergara, S. C. (2007). Arte cenográfica, vídeos, dramatizações e música no ensino de teoria das organizações [Scenographic art, videos, dramatizations and music in teaching organizational theory]. In: DaveL, E., Vergara, S. C., & Ghadiri, D. P. (Orgs.) Administração com arte: experiências vividas de ensino-aprendizagem [Administration with art: lived teaching-learning experiences], 277-286. São Paulo: Atlas.

Vergara, S. C. (2010). Projetos e relatórios de pesquisa em Administração [Projects and research reports in Administration]. São Paulo: Atlas.

Vergara, S. C. (2012). Métodos de pesquisa em Administração [Methods of research in the field of Administration]. São Paulo. Atlas.

Vieira, M. M. F. (2004). Por uma boa pesquisa (qualitativa) em Administração [For good (qualitative) research in management]. In: Vieira, M. M. F. & Zouain, D. M. Pesquisa qualitativa em administração [Qualitative research in Management], 13-28. Rio de Janeiro: FGV.

Yin, R. (2010). Estudo de caso: planejamento e métodos [Case study: planning and methods]. São Paulo: Bookman.

Downloads

Publicado

2021-09-30