Presença social como abordagem metodológica em estudos de comunicação política no ambiente virtual: adaptações das categorias instituídas por Rourke

Arquimedes Pessoni, Rita Donato

Resumo


Este artigo aborda como a noção de presença social tem sido usada nos trabalhos de comunicação política em ambientes virtuais a partir da categorização de Rourke et. al (2001). Ao se debater o conceito de presença social e constatar a ausência de trabalhos acadêmicos com essa abordagem, resgata-se um estudo que adaptou as categorias instituídas pelos autores para identificar a presença social de políticos no Facebook no contexto de uma campanha eleitoral. A discussão indica o uso da teoria como método inovador de pesquisa, sugerindo a ampliação das categorias a partir da coleta de dados em fóruns virtuais abertos.


Palavras-chave


Presença Social; Comunicação Política; Comunicação virtual; Facebook; Metodologia científica.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/ci.vol20n44.6238

Indexadores de que a C&I faz parte:

 

 

Latindex

Latindex

 

ISSN 2178-0145