Sexualidade e aids na terceira idade: abordagem na consulta médica

Autores

  • Mariana Alves Santos Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes
  • Barbara Santos Pires Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes
  • Felipe Hoher Nahum Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes
  • Guilherme Antônio de Paula Machado Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes
  • Gabriela Tomaz Silva Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes
  • Gabriela Gonçalves Bangoim Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes
  • Ivone Panhoca Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

DOI:

https://doi.org/10.13037/ras.vol15n51.4152

Palavras-chave:

Idoso, Sexualidade, HIV, Aids

Resumo

Objetivo: Investigar se na consulta médica há abordagem de assuntos sobre a sexualidade dos idosos por parte dos médicos e do próprio idoso e se é feito o pedido de exame para detectar o vírus HIV nessa população. Metodologia: Médicos das especialidades de geriatria, infectologia, urologia, clínica médica, cirurgia geral, ginecologia e psiquiatria de um hospital escola de Mogi das Cruzes (SP), totalizando 35 profissionais, responderam um questionário sobre aspectos de sexualidade abordados na consulta com o idoso. Resultados: A maioria dos médicos relatou que os idosos questionam, principalmente, a respeito de disfunção erétil, medicamento para ereção peniana e reposição hormonal. Entre os médicos, a maioria costuma abordar tais assuntos apenas quando há alguma queixa, sendo que dos 35 médicos apenas 9 conversam sobre o HIV e 13 sobre DST. A solicitação do exame de HIV não faz parte da rotina da maioria dos médicos, e a maioria dos idosos não pede para realizar o exame. Conclusão: Observou-se que há pouco diálogo entre a população idosa e os médicos sobre os temas DST/HIV e método contraceptivo. Inclusive, o exame para detectar o vírus não é realizado com frequência. Dessa forma, percebe-se a necessidade de inserir práticas assistenciais com o intuito de promover, prevenir e rastrear a infecção pelo vírus HIV na terceira idade.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariana Alves Santos, Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

Acadêmico de Medicina

Barbara Santos Pires, Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

Acadêmico de Medicina

Felipe Hoher Nahum, Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

Acadêmico de Medicina

Guilherme Antônio de Paula Machado, Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

Acadêmico de Medicina

Gabriela Tomaz Silva, Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

Acadêmico de Medicina

Gabriela Gonçalves Bangoim, Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

Acadêmico de Medicina

Ivone Panhoca, Faculdade de Medicina da Universidade de Mogi das Cruzes

Professora Pesquisadora da Universidade de Mogi das Cruzes

Referências

Moraes KM, Vasconcelos DP, Silva ASR, Silva RCC, Santiago LMM, Freitas CASL. Companheirismo e sexualidade de casais na melhor idade: cuidando do casal idoso. Rev Bras Geriatr Gerontol. 2011;14(4):787-98.

Maschio MBM, Balbino AP, Souza PFR, Kalinke LP. Sexualidade na terceira idade: medidas de prevenção para doenças sexualmente transmissíveis e aids. Rev Gaúcha Enferm. 2011 set [citado em 2016 jan 15];32(3):583-9. Disponível em: https://goo.gl/VUrDru

Ministério da Saúde. Boletim Epidemiológico de aids/DST. Brasília, DF: Ministério da Saúde; 2013.

Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de DST, aids e hepatites virais. Brasília, DF: Ministério da Saúde; 2008 [citado em 2014 maio 20]. Disponível em: http://www.aids.gov.br/campanhas/2008/38269>

Ministério da Saúde. Boletim Epidemiológico de DST/aids. Brasília, DF: Ministério da Saúde; 2010.

Souza LPS, Oliveira MVR, Silveira WRM, Figueiredo MFS, Messias RB, Silva JR. Análise da clientela idosa portadora de HIV atendida em um centro ambulatorial em Montes Claros, Minas Gerais. Rev Bras Geriatr Gerontol. 2012;15(4):767-76.

Santos NJS, Tayra A, Silva SR, Buchalla CM, Laurenti R. A aids no estado de São Paulo: as mudanças no perfil da epidemia e perspectivas da vigilância epidemiológica. Rev bras epidemiol [internet]. 2002 dez [citado em 2016 jan 18];5(3):286-310. Disponível em: https://goo.gl/4YTO5E

Olivi M, Santana RG, Matias TAF. Comportamento, conhecimento e percepção de risco sobre doenças sexualmente transmissíveis em grupo de pessoas com 50 anos e mais de idade. Rev Latino-Am Enfermagem [internet]. 2008 ago [citado em 2016 jan 15];16(4):679-85. Disponível em: https://goo.gl/N3gOJt

Batista AFO, Marques APO, Leal MCC, Marino JG, Melo HMA. Idosos: associação entre o conhecimento da aids, atividade sexual e condições sociodemográficas. Rev Bras Geriatr Gerontol. 2011;14(1):39-48.

Toledo LSG, Maciel ELN, Rodrigues LCM, Sá RT, Fregona G. Características e tendência da aids entre idosos no estado do Espírito Santo. Rev Soc Bras Med Trop. 2010;43(3):264-7.

Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo. Centro de Referência e Treinamento em DST/aids. Documento de diretrizes para prevenção das DST/aids em idosos. Bepa. 2011;8(92):15-23.

Silva HR, Marreiros MOC, Figueiredo TS, Figueiredo, MLF. Características clínico-epidemiológicas de pacientes idosos com aids em hospital de referência, Teresina-PI, 1996 a 2009. Epidemiol Serv Saúde. 2011;20(4):499-507.

Alencar RA, Ciosak SI. O diagnóstico tardio e as vulnerabilidades dos idosos vivendo com HIV/aids. Rev Esc Enferm USP [internet]. 2015 abr [citado em 2016 jan 17];49(2):229-35. Disponível em: https://goo.gl/XrIkha

Ellman TM, Sexton ME, Warshafsky D, Sobieszczyk ME, Morrison EA. A forgotten population: older adults with newly diagnosed HIV. AIDS Patient Care STDs. 2014;28(10):530-6.

Brasileiro M, Freitas MIF. Representações sociais sobre aids de pessoas acima de 50 anos de idade, infectadas pelo HIV. Rev Latino-Am Enfermagem [internet]. 2006 out [citado em 2016 jan 18];14(5):789-95. Disponível em: https://goo.gl/b89t2G

Araújo VLB, De Brito DMS, Gimeniz MT, Queiroz TA, Tavares CM. Características da aids na terceira idade em um hospital de referência do estado do Ceará, Brasil. Rev Bras Epidemiol. 2007 dez [citado em 2016 jan 18];10(4):544-54. Disponível em: https://goo.gl/mOQdAx

Jansen RS. HIV/aids in persons 50 years of age and older. Atlanta: Center for Infectious Diseases Center for Diseases Control and Prevention. 2005 [citado em 2014 abr 15]. Disponível em: https://goo.gl/HPDUKM

Lazzarotto AR, Kramer AS, Hädrich M, Tonin M, Caputo P, Sprinz E. O conhecimento de HIV/aids na terceira idade: estudo epidemiológico no Vale do Sinos, Rio Grande do Sul, Brasil. Ciênc Saúde Coletiva [internet]. 2008 dez [citado em 2016 jan 18];13(6):1833-40. Disponível em: https://goo.gl/RAoG3u

Melo HMA, Leal MCC, Marques APO, Marino JG. O conhecimento sobre aids de homens idosos e adultos jovens: um estudo sobre a percepção desta doença. Ciênc Saúde Coletiva. 2012;17(1):43-53.

Linley L, Prejean J, An Q, Chen M, Hall HI. Racial/ethnic disparities in HIV diagnoses among persons aged 50 years and older in 37 US States, 2005-2008. Am J Public Health [internet]. 2012 ago [citado em 2016 jan 18];102(8):1527-34. Disponível em: https://goo.gl/GmEZhw

Slinkard MS, Kazer MW. Older adults and HIV and STI screening: the patient perspective. Geriatr Nurs. 2011;32(5):341-9.

Alencar RA, Ciosak SI. Early diagnosis of HIV in the elderly population: a brief review of the literature. Online Braz J Nurs. 2010 ago [citado em 2016 jan 18];9(2):1-10. Disponível em: https://goo.gl/O0VJnF

Downloads

Publicado

15-02-2017

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS