TERCEIRO SETOR, SAÚDE E ATIVIDADE FÍSICA: UMA ANÁLISE CRÍTICA DO PROJETO "FELIZIDADE" THIRD SECTOR, HEALTH AND PHYSICAL ACTIVITY: AN CRITICAL ANALYSES OF "FELIZIDADE" PROJECT

Bruno Assis de Oliveira, Prof. Ms. Edson Marcelo Húngaro, Prof. Dr. José Luis Solazzi

Resumo


A pesquisa aborda as recentes mudanças nas características do Estado, assim como sua retirada no âmbito da “questão
social”, em especial, da saúde pública. Ações nessas áreas têm sido “transferidas” para o conjunto da sociedade. A
conseqüência dessa transferência é o aparecimento de organizações no interior da sociedade civil, caracterizadas pela
promoção de ações de natureza privada com fins públicos: o chamado “terceiro setor”. Dentre essas instituições encontra-
se o CELAFISCS e seu Projeto Longitudinal de Envelhecimento e Aptidão Física de São Caetano do Sul – “Projeto
FELIZIDADE”. Com o objetivo de gerar uma reflexão crítica sobre o “FELIZIDADE” levantamos os seguintes questionamentos:
sob quais pressupostos teóricos o projeto se fundamenta? Existe algum comprometimento com a superação
das desigualdades sociais que acometem a população idosa? Considerando que, segundo o Censo, a população de idosos
no Brasil representa um contingente de quase 15 milhões de pessoas com 60 anos ou mais de idade (8,6% da população
brasileira) podendo alcançar, nos próximos 20 anos, algo em torno de 30 milhões de pessoas, o presente estudo oferece
uma aprofundada discussão, dirigida especialmente aos responsáveis pela formulação de políticas e programas ligados ao
envelhecimento,

Palavras-chave


saúde, terceiro setor e CELAFISCS

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.13037/rbcs.vol4n9.426

Indexadores: