TRANSTORNOS MENTAIS NA PANDEMIA: avaliação da saúde mental de estudantes de medicina

Ansiedade e depressão em estudantes de medicina

Autores

DOI:

https://doi.org/10.13037/2359-4330.8800

Palavras-chave:

Transtornos mentais, Educação médica, COVID-19

Resumo

Nos últimos anos houve um aumento considerável da prevalência de transtornos mentais, com destaque para estudantes de medicina. OBJETIVO: Com a pandemia do COVID-19 e as mudanças trazidas por ela, viu-se a necessidade de identificar a prevalência de sintomas de depressão e ansiedade em acadêmicos de medicina de uma universidade do Norte do Brazil durante esse período. MÉTODO: Trata-se de um estudo observacional, descritivo, do tipo transversal, realizado com 240 estudantes de medicina, durante a segunda onda da pandemia do COVID-19. Foi aplicado um questionário validado, via Google Forms para avaliar e classificar sintomas de depressão e ansiedade. Foi utilizado o teste qui-quadrado para avaliar as correlações. RESULTADOS: a partir da aplicação do questionário, pôde-se observar que a em sua maioria os estudantes apresentavam ausência de sintomas de ansiedade e depressão, entretanto, entre os que apresentaram, 14,9% das mulheres apresentaram ansiedade severa. Foi visto que não houve associação significativa entre idade e presença de sintomas de transtorno mental e ainda, observou-se que sintomas de ansiedade e depressão foram mais relatados em alunos do primeiro, segundo e quarto ano. CONCLUSÃO: Conclui-se que os participantes da pesquisa apresentaram níveis leves de ansiedade e depressão, diferindo da maioria dos estudos científicos. Percebeu-se que houve maior prevalência de sintomas moderados a graves de ansiedade na população feminina e de depressão no sexo masculino. A idade média mais acometida foi de 23 anos, em alunos do primeiro e quarto ano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Giovana Silva Correa Reis, Universidade do Estado do Pará - UEPA - Belém - PA

 Acadêmica de Medicina da Universidade do Estado do Pará - UEPA. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Belém, Pará, Brasil.

Andrícia de Jesus de Melo e Silva, Universidade do Estado do Pará - UEPA - Belém - PA

Acadêmica de Medicina da Universidade do Estado do Pará - UEPA. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Belém, Pará, Brasil.

Mainã Cristina Santos dos Santos, Universidade do Estado do Pará - UEPA - Belém - PA

Acadêmica de Medicina da Universidade do Estado do Pará - UEPA. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Belém, Pará, Brasil.

Andrea Marcela dos Santos Lopes, Universidade do Estado do Pará - UEPA - Belém - PA

Acadêmica de Medicina da Universidade do Estado do Pará - UEPA. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Belém, Pará, Brasil.

Patrícia Regina Bastos Neder, Universidade do Estado do Pará - UEPA - Belém - PA

Docente da Universidade do Estado do Pará - UEPA. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde. Departamento de Psicologia. Belém, Pará, Brasil.

Referências

Oliveira C, Varela A, Rodrigues P, Esteves J, Henriques C, Ribeiro A. Programas de prevenção para a ansiedade e depressão: avaliação da percepção dos estudantes universitários. Rev journ Interacções. 2016; 12(42): 96-111.

Verger P, Combes JB, Kovess-Masfety V, Choquet M, Guagliardo V, Rouillon F, Peretti-Wattel P. Psychological distress in first year university students: socioeconomic and academic stressors, mastery and social support in young men and women. Soc Psychiatry Psychiatr Epidemiol. 2009; 44(8): 643-50.

Graner KM, Cerqueira ATAR. Revisão integrativa: sofrimento psíquico em estudantes universitários e fatores associados. Ciênc. saúde coletiva. 2019; 24(4): 1327-1346

Silva AG, Cerqueira AT, Lima MC. Social support and common mental disorder among medical students. Rev Bras Epidemiol. 2014; 17(1): 229-42.

Puthran R, Zhang MW, Tam WW, Ho RC. Prevalence of depression amongst medical students: a meta-analysis. Med Educ. 2016; 50(4): 456-68.

Medeiros PP, Bittencourt FO. Fatores associados à ansiedade em estudantes de uma faculdade particular. Id on line Rev. Psic. 2017; 10(33)

Abdull Mutalib AA, Md Akim A, Jaafar MH. A systematic review of health sciences students’ online learning during the COVID-19 pandemic. BMC Med Educ. 2022; 22(1): 524

Zigmond AS, Snaith RP. The Hospital Anxiety and Depression Scale. Acta Psychiatrica Scandinavica. 1983; 67: 361-370.

Botega NJ, Bio MR, Zomignani MA, Garcia Junior C, Pereira WAB. Transtornos do humor em enfermaria de clínica médica e validação de escala de medida (HAD) de ansiedade e depressão. Rev. Saúde Pública. 1995; 29(5): 355-63

Stern AF. The Hospital Anxiety and Depression Scale. Occupational Medicine. 2014; 64(5): 393-394

Grether EO, Becker MC, Menezes HM, Nunes CROl. Prevalência de Transtornos Mentais Comuns entre Estudantes de Medicina da Universidade Regional de Blumenau (SC). Rev. bras. educ. méd. 2019 43(1,supl.1): 276-285

Silva JGAR, Romarco EKS. Análise dos níveis de ansiedade, estresse e depressão em universitários da Universidade Federal de Viçosa (UFV). Instrumento: Rev. Est. e Pesq. em Educação. 2021; 23(1): 134-150.

Souza AL, Castro FV, Ferron K, Rodrigues ALZC, Cau AC, Meireles MS, Paulo MSL. Prevalência de depressão em estudantes de medicina: uma revisão de escopo. Revista de Medicina. 2021; 100(6): 578–585

Leão DMQC, Tabosa AKMM, Isidoro FDC, Pimentel FC. Estresse, Ansiedade e Depressão nos estudantes de medicina da UFPE-CAA durante a pandemia de COVID-19. Brazilian Journal of Health Review. 2022; 5(4): 12162–12175

Andrade MDFC, Coelho MR, Bachur TPR, Bezerra JEMS, Almeida MI, Branco LMC. O ensino da prática médica no internato em tempo de pandemia: aprendizados e impactos emocionais. Rev. bras. educ. med. 2021; 45 (4)

Teixeira LAC, Costa RA, Mattos RMRR, Pimentel D. Saúde mental dos estudantes de Medicina do Brasil durante a pandemia da coronavirus disease 2019. J. bras. psiquiatr. 2021; 71(1).

Ahmed MZ, Ahmed O, Aibao Z, Hanbin S, Siyu L, Ahmad A. Epidemic of COVID-19 in China and associated Psychological Problems. Asian J Psychiatr. 2020; 51:102092.

Caixeta WO, Almeida CMS, Almeida KC. Saúde mental dos estudantes de medicina durante a pandemia de Covid-19 em uma instituição do interior de Minas Gerais. Brazilian Journal of Health Review. 2022; 5(3) 8602–8611

Mayer FB. A prevalência de sintomas de depressão e ansiedade entre os estudantes de medicina: um estudo multicêntrico no Brasil. São Paulo. Tese [Doutorado em Educação e Saúde] - Faculdade de Medicina, Universidade de São Paulo; 2017.

Aquino DR, Cardoso RA, Pinho L. Sintomas de depressão em universitários de medicina. Acad. Paul. Psicol. 2019; 39(96): 81-95

Sacramento BO, Anjos TL, Barbosa AGL, Tavares CF, Dias JP. Sintomas de ansiedade e depressão entre estudantes de medicina: estudo de prevalência e fatores associados. Rev. bras. educ. med. 2021; 45(1): e021.

Benevides-Pereira AMT, Gonçalves MB. Transtornos emocionais e a formação em Medicina: um estudo longitudinal. Rev. bras. educ. med. 2009; 33(1)

Tang W, Hu T, Hu B, Jin C, Wang G, Xie C, Chen S, Xu J. Prevalence and correlates of PTSD and depressive symptoms one month after the outbreak of the COVID-19 epidemic in a sample of home-quarantined Chinese university students. J Affect Disord. 2020; 1(274): 1-7.

Publicado

2024-01-16

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.