O EFEITO DO EXERCÍCIO RESISTIDO EM RELAÇÃO À HIPERTENSÃO ARTERIAL, SEUS BENEFÍCIOS E RESPOSTAS HIPOTENSIVAS THE RESISTANCE EXERCISE EFFECT IN RELATION TO HYPERTENSION AND ITS BENEFITS AND HYPOTEN SIVE RESPONSES

Autores

  • Milena Carrijo Dutra

DOI:

https://doi.org/10.13037/rbcs.vol7n22.529

Palavras-chave:

exercício resistido, hipertensão, pressão arterial.

Resumo

A hipertensão, também conhecida por pressão alta, é assintomática. Contudo, é possível que seu portador apresente sintomas precoces considerados da hipertensão, que também pode ser revelada através de suas consequências. De acordo com a OMS, a hipertensão pode ser modificada através de hábitos alimentares, diminuição do peso corporal, diminuição do consumo de álcool e da inclusão da prática de exercícios físicos. A atividade física tem papel importante na prevenção e na reabilitação de doenças cardiovasculares. O exercício físico realizado cronicamente pode provocar alterações autonômicas importantes, que vão influenciar este sistema; por isso, tem sido alvo de vários estudos que sugerem a prática de exercícios para â manutenção da saúde. Neste contexto, embora não haja um consenso sobre seus reais efeitos na pressão arterial, os exercícios resistidos parecem produzir resultados benéficos à saúde do indivíduo. Estudos têm demonstrado que a prática de exercícios contrarresistência, aliada à execução de atividades aeróbias, pode otimizar o efeito hipotensor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Edição

Seção

ARTIGOS DE REVISÃO

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)