Visão comunicacional da inovação: análise dos sentidos atribuídos à inovação na Revista da Intercom

Autores

DOI:

https://doi.org/10.13037/ci.vol21n45.6409

Resumo

Este artigo investiga o uso do termo “inovação” nos trabalhos apresentados em dez anos de publicação do periódico científico Intercom – Revista Brasileira de Ciências da Comunicação. O corpus do estudo foi composto por 247 artigos publicados na revista no período de 2007 a 2017, onde 66 artigos do total foram selecionados mediante busca do prefixo “inovaç”. Com base no método de análise de conteúdo e dentre as 10 categorias elencadas a partir do material em relação à natureza da inovação, destaca-se, entre os achados da pesquisa, que o termo inovação é entendido como fenômeno tecnológico em 40,5% das 245 citações. O artigo mostra ainda que a maioria dos textos discute como aspectos da inovação os seus resultados da inovação (44,9%), embora as causas da inovação sejam abordadas por um quinto dos autores (21,3%) e os atributos da inovação são mencionados por cerca de 20% deles.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Regina Rossetti, Universidade Municipal de São Caetano do Sul, Pró-reitoria de Pós-graduação e Pesquisa - São Caetano do Sul (SP)

Professora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da USCS. Doutora em Filosofia pela USP com pós-doutoramento.

Possui Doutorado e Pós-doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo, Mestrado e Graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atualmente é docente do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS. Tem experiência na área de Comunicação com ênfase em Epistemologia, Filosofia e Teorias da Comunicação. Atua na investigação interdisciplinar entre comunicação e filosofia contemporânea, pesquisando os seguintes temas: comunicação e inovação, esfera pública, comunicação de interesse público

Downloads

Publicado

06-02-2020

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>