A incidência de tuberculose nos presídios brasileiros: revisão sistemática

Autores

  • Jean Carlos Machado Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil
  • Jilia Diane Martins Boldori Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil
  • Marcelo Dalton Dalmolin Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil
  • William Cordeiro de Souza Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil
  • Sandro Luiz Bazzanella Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil
  • Walter Marcos Knaesel Birkner Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil
  • Luis Paulo Gomes Mascarenhas Universidade do Contestado

DOI:

https://doi.org/10.13037/ras.vol14n47.3256

Palavras-chave:

Tuberculose, Presídios, Brasileiros

Resumo

Introdução: A presença da tuberculose no sistema prisional tem sido descrita como uma ameaça, jáque tem maior incidência na população carcerária do que na população em geral. Objetivo: Verificar,através de uma revisão de literatura, as principais razões dos casos de tuberculose nos presídios brasileiros.Materiais e métodos: Foi realizada uma busca na base de dados dos Periódicos da Capes e BielefeldAcademic Search Engine (BASE) com os termos “tuberculose”, “presídio” e “brasileiros”. A busca totalizou34 documentos, dos quais somente 8 foram utilizados para a referida pesquisa. Resultados e conclusão:A partir dos dados obtidos foi possível observar altas taxas de infecção por tuberculose nos presídiosbrasileiros, baixa informação sobre a doença e precariedade no atendimento dos infectados, além dessaenfermidade apresentar associação com o tempo de permanência na prisão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jean Carlos Machado, Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil

Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional – Universidade do Contestado – UnC.

Jilia Diane Martins Boldori, Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil

Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional – Universidade do Contestado – UnC.

Marcelo Dalton Dalmolin, Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil

Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional – Universidade do Contestado – UnC.

William Cordeiro de Souza, Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil

Universidade do Contestado – UnC.

Sandro Luiz Bazzanella, Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil

Doutor professor do Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional – Universidade do Contestado – UnC.

Walter Marcos Knaesel Birkner, Universidade do Contestado – Canoinhas (SC), Brasil

Doutor professor do Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional – Universidade do Contestado – UnC.

Luis Paulo Gomes Mascarenhas, Universidade do Contestado

Doutor professor do Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional – Universidade do Contestado – UnC.

Downloads

Publicado

16-02-2016

Edição

Seção

ARTIGOS DE REVISÃO