RISCO DE QUEDAS EM MULHERES IDOSAS COM OSTEOARTROSE DE JOELHO RISK OF FALLS IN ELDERLY WOMEN WITH KNEE OSTEOARTHROSIS

Autores

  • Miriam Margarete de Farias
  • Marlon Francys Vidmar
  • Lia Mara Wibelinger

DOI:

https://doi.org/10.13037/rbcs.vol9n27.1333

Palavras-chave:

idosos, risco de quedas, osteoartrose.

Resumo

As quedas estão entre as maiores causas de limitação funcional entre os idosos. As doenças degenerativas
musculoesqueléticas são bastante comuns quando se fala de uma população que envelhece. O presente estudo
teve como objetivo avaliar o risco de quedas em mulheres idosas com osteoartrose de joelho. Para a coleta
de dados, utilizou-se um questionário que continha informações como idade, sexo, doenças associadas e
presença de doença osteoarticular. Fez-se uso também da escala do risco de quedas de Dowton. A população
foi composta por 147 mulheres idosas, pertencentes a um grupo de terceira idade da cidade de Passo Fundo,
no Rio Grande do Sul, sendo que a amostra foi integrada por 32 (100%) idosas que tinham osteoartrose de
joelho (três (18,75%) estavam na faixa etária entre 60-69 anos; 11 (68,75%), entre 70-79 anos; e duas (12,5%),
entre 80-89 anos). Destas, 16 (50%) apresentaram risco de quedas e dez (62,5%) já haviam caído anteriormente.
O maior índice de risco de quedas situou-se entre as mulheres na faixa etária entre 70-79 anos e que faziam
uso de medicamentos diuréticos e hipotensores, assim como as que manifestavam alterações visuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

09-09-2011

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)